Feliz Dia da Mentira!

Confira algumas pegadinhas que as montadoras prepararam para este 1º de abril
Lotus Pet Lids

Lotus Pet Lids | Imagem: Divulgação

Um pouco de bom humor sempre faz bem e algumas marcas não deixaram este 1º de abril, o célebre Dia da Mentira, passar em branco.

Quem foi a primeira a se manifestar foi a inglesa Lotus, que criou um inusitado capacete protetor para gatos inspirado em um felino que vive nas cercanias da fábrica da empresa.

Segundo a marca, o Lotus Pet Lids oferece “baixo peso e conta com design otimizado e ergonomicamente desenhado para os amigos de quatro patas”. A peça, que pesa apenas 25 gramas, pode ser personalizada com o nome e tipo sanguíneo do seu gato e a pintura vai de acordo com a preferência de dono e animal, seguindo esquemas clássicos ou mais contemporâneos. Essa personalização é executada pelo programa Lotus Exclusive, que assim como os carros da marca, também pode dar um jeito para tornar o capacete para gatos ainda mais exclusivo.

Seria um recurso e tanto para um visita ao veterinário, uma exposição ou até mesmo um passeio a bordo de um dos esportivos da marca inglesa, não?

Segundo o “chefe de segurança” Felix Shepard, “para criar os capacetes nós fomos inspirados pelo Clark, o gato de nossa fábrica em Hethel, que vira e mexe gostava de avançar nos carros enquanto estávamos conduzindo testes em pista. Como nós zelamos muito pela segurança, é natural que estendessemos aos animaizinhos o mesmo pedigree de proteção que nossos pilotos contam”.

Mais brincadeiras, dessa vez na MINI

As marcas inglesas estão com tudo neste 1º de abril de 2017. Vocês conhem o MINI John Cooper Works, certo? Pois é, agora a MINI “lançou” um acessório bem interessante para o modelo em sua versão conversível e criou o MINI John “Cooker” Works!

Com a novidade, você pode até mesmo faturar uma graninha extra e vender algumas guloseimas nas ruas. Como a MINI explica, o John Cooker Works conta com uma mesa que cobre praticamente todo o interior do veículo para que o proprietário possa manusear os alimentos com conforto.

A mesa conta com um fogão elétrico para o preparo dos alimentos, enquanto o porta-malas do hatch foi convertido em uma geladeira para armazenar os alimentos necessários para o uso da receita.

E não há com o que se preocupar em relação à energia necessária para manter tudo isso operando. Com baterias dotadas da tecnologia Natural Food Nanotechnology, a eletricidade é gerada pela frenagem do carro bem como o sistema pode aproveitar os restos de comida para carregar a bateria. Uma tecnologia digna do filme De Volta para o Futuro.

Ainda segundo a MINI, todos os demais ingredientes para o preparo da comida podem ser armazenadas abaixo da mesa central e, se o sol ficar muito forte, a capota pode ser armada em apenas 18 segundos.

Adaptar um conversível para o kit John Cooker Works custará 1.959 libras no Reino Unido, ou cerca de R$ 7.700. De brinde o proprietário ainda pode optar pelas faixas laterais nas cores Chilli Red ou Berry Blue.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!