Ford fará motores da nova Ranger na Argentina

Marca investiu US$ 21 milhões para fabricar as linhas Duratec e Duratorq em Pacheco

Ford Ranger 2012 | Imagem: Ford

A Ford inaugurou nesta quarta-feira (22) na Argentina a linha de montagem em Pacheco de onde sairá o coração da Ranger 2012. A picape, que será vendida no Brasil no ano que vem, deverá ser equipada com as novas linhas de motores Duratec e Duratorq. Segundo a montadora, foram injetados cerca de US$ 21 milhões para retomar a produção de motores na instalação, paralisada desde 1995. O plano é produzir 44 mil propulsores por ano.

Esse passo pode significar o rompimento do fornecimento de motores MWM-Internacional à Ford, que os aplica na Ranger atual. Os novos propulsores têm potencia que variam entre 150 cv e 200 cv, dependendo da cilindrada.

O evento de reinauguração da planta contou com a presença da presidente da Argentina Cristina Kirchner e de autoridades locais que conferiram de perto as etapas de produção dos motores. A nova fábrica, segundo a Ford, criará 140 postos de trabalhos diretos e outros 100 indiretos e, além disso, a fabricante trabalha no desenvolvimento de um parque industrial de fornecedores em volta do Centro Industrial de Pacheco.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!