Ford quer elétricos e híbridos representando mais da metade das vendas até 2022

Passo importante na substituição dos carros a combustão pelos elétricos foi dado em Frankfurt, onde a marca apresentou cinco modelos sustentáveis
Ford Kuga Plug-in Hybrid: destaque da marca no Salão de Frankfurt

Ford Kuga Plug-in Hybrid: destaque da marca no Salão de Frankfurt | Imagem: Divulgação

A Ford levou uma nova família de híbridos e elétricos para o Salão de Frankfurt. Foram nada menos do que cinco modelos apresentados no evento que acontece esta semana na Alemanha, entre eles os SUVs híbridos Puma EcoBoost, Explorer e Kuga. A iniciativa é um passo importante na ambição da fabricante de que este tipo de veículo sustentável ultrapasse os carros a combustão em vendas na Europa até o fim de 2022.

No início de 2019 a marca já havia cravado que todo novo carro lançado na Europa terá também uma versão elétrica. Além disso, prometeu a chegada de 8 elétricos entre 2019 e 2020. É o caso, por exemplo, do inédito SUV inspirado no Mustang que promete desempenho de sobra e autonomia de 600 km no modo elétrico. Seu lançamento está previsto para o segundo semestre do ano que vem.

“Nossa estratégia é encontrar o powertrain elétrico ideal para cada veículo, ajudando os nossos clientes a terem uma experiência simples e agradável com seu carro elétrico”, explica Joerg Beyer, diretor-executivo de engenharia da Ford Europa.

Esta estratégia pode ser vista em Frankfurt. Enquanto o Puma EcoBoost é um híbrido convencional (que recarrega as baterias através da frenagem), Explorer e Tourneo Custom são híbridos plug-in, recarregados também na tomada. Já o Kuga é o primeiro modelo da Ford a oferecer as opções de híbrido leve, híbrido e plug-in. Todos estes modelos devem ajudar a marca a alcançar a barreira de 1 milhão de elétricos e híbridos vendidos na Europa em 2022, o equivalente a algo em torno de 54% das vendas.

Ford Puma Titanium X revelado no Salão de Frankfurt
Ford Puma Titanium X revelado no Salão de Frankfurt: SUV compacto com propulsão híbrida
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!