Reflexos da pandemia: Hyundai lança ar-condicionado mais sofisticado para seus carros

Com novas tecnologias, sistema de purificação acrescenta funcionalidades mesmo quando o carro está parado e desligado
Ar-condicionado mais sofisticado chegará às marcas Hyundai, Genesis e Kia

Ar-condicionado mais sofisticado chegará às marcas Hyundai, Genesis e Kia | Imagem: Divulgação

Um dos reflexos da pandemia da Covid-19 no setor automotivo foi que as montadoras passaram a olhar com mais carinho os sistemas de circulação de ar e ar-condicionado de seus carros. Algumas ideias prometiam não só a eliminação de odores, como também bactérias e até mesmo vírus. Agora, a Hyundai apresentou um sistema de ar-condicionado que detecta poluição. No entanto, a marca não informou quando a novidade estreará em seus carros.

Saber se o ar externo está tóxico é uma das três funções apresentadas pela empresa para os sistemas de refrigeração da cabine. Nele, a Hyundai promete monitorar com precisão a quantidade de poeira fina fora da cabine e informar aos ocupantes o nível de poluição externo por meio de cores no painel de regulagem do ar-condicionado.

Outro item que também será mais útil para a saúde e a comodidade dos ocupantes é o “Multi-Air”. Os carros manterão as saídas de ar-condicionado convencionais, mas a Hyundai instalará mais saídas por meio de pequenas perfurações no painel. A ideia, além de um maior volume de ar circulando na cabine, é a de não deixar as fontes de ar fresco concentradas em apenas algumas saídas. Com isso, a ventilação ocorreria por mais canais.

Por último, há o sistema “After-Blow”. Nessa funcionalidade, a ideia é reduzir ao mínimo possível a formação de mofo no condensador de umidade do ar-condicionado, a peça que causa aqueles pingos ocasionais sob o carro com o ar ligado. Com o condicionador de ar ligado, a umidade do ar da cabine passa pelo condensador e pode ficar presa por ali, gerando fortes odores e males à saúde. 

Com o novo sistema, a Hyundai diz conseguir eliminar essa condensação. O primeiro passo é deixar o condensador secar naturalmente. Após cerca de 30 minutos, o ventilador da cabine volta a ser ligado automaticamente até que se drene todos os líquidos restantes. Essa limpeza pode ocorrer também após longos períodos sem uso do ar-condicionado ou em dias chuvosos, que geram maior acúmulo de umidade. A marca afirma também que o After-Blow monitora o estado da bateria para não drená-la, uma vez que a secagem do condensador pode ocorrer mesmo com o carro desligado. 

Primeiros modelos a contar com o ar-condicionado aprimorado serão oferecidos na Coreia do Sul e, posteriormente, ao redor do mundo
Primeiros modelos a contar com o ar-condicionado aprimorado serão oferecidos na Coreia do Sul e, posteriormente, ao redor do mundo
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!