Leitor fotografa detalhes do Cobalt

Exemplares do sedã disfarçado rodam pelos arredores da fábrica da GM

Cobalt é flagrado novamente | Imagem: Alexandre Capelle/AUTOO

Ao passar pela Avenida Goias em São Caetano do Sul (SP), ou em seus arredores, não estranhe ao se deparar com um carro preto (ou mais de um) repleto de faixas plásticas cobrindo seus detalhes. É alguma novidade da General Motors do Brasil sendo testada a céu aberto. Para quem não sabe uma das fábricas da marca no país fica na concorrida avenida no ABC paulista.

O “carro preto” da vez é o Cobalt. O modelo foi flagrado pelo leitor Alexandre Capelle na região de Vila Prudente, um bairro de São Paulo “encostado” em São Caetano. Uma prévia do sedã já foi apresentada em formato conceitual.

Os grandes faróis pontiagudos rementem ao visual do Agile, mas o Cobalt será um carro mais sofisticado que o hatch. Em porte, o veículo é semelhante, por exemplo, ao Renault Logan, mas com design mais elaborado. Além disso, trata-se de mais um carro global da GM, que será comercializado em diferentes partes do mundo com muitas semelhanças em comuns.

A missão do Cobalt no Brasil, embora a marca ainda não confirme, será substituir ao mesmo tempo os modelos veteranos Astra e Corsa Sedan. O lançamento, segundo apurou o AUTOO, que era programado para o último trimestre de 2011, poderá ficar para o início de 2012 devido a atrasos na adaptação da linha de montagem. Já a faixa de preço do novo Chevrolet deverá girar acima dos R$ 40.000.

Por aqui, o novo sedã é cotado para receber o motor 1.4 Econoflex, o mesmo de Agile e Montana, e, possivelmente, o novo bloco 1.8 Ecotec nas séries mais caras. São esperados também no Cobalt mais equipamentos de série em relação aos carros atuais da empresa, como freios ABS, airbags, ar-condicionado automático e painel digital.

Agradecemos o leitor Alexandre Capelle pela contribuição.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!