Mini-SUV da Jeep será veículo global e estreará já em 2022

Com a fusão de Fiat-Chrysler e Peugeot-Citroën, Jeep usará base das marcas francesas em novo projeto menor que o Renegade
Novo SUV menor que o Renegade utilizará plataforma da Peugeot-Citroën

Novo SUV menor que o Renegade utilizará plataforma da Peugeot-Citroën | Imagem: Kleber Silva

Ainda no mês passado, surgiram os primeiros rumores de que a Stellantis estaria trabalhando em um novo SUV subcompacto da Jeep com menos de 4 m de comprimento para o mercado indiano. Com a formação do novo conglomerado, a novidade utilizaria a mesma plataforma CMP da Peugeot-Citroën já vista em modelos como o Peugeot 208 e que será utilizada pelo futuro Citroën C21, que deverá ser feito no Brasil.

Agora, novos detalhes obtidos pela Automotive News Europe mostraram que o “mini-Regade” deverá ser oferecido em mercados além do indiano e da América Latina, devendo estrear na Europa já em julho de 2022. A novidade já estaria com o projeto praticamente pronto e seria feito na fábrica de Tychy, na Polônia, de onde saem hoje o Fiat 500 a combustão e o Lancia Ypsilon.

A surpresa mesmo veio a partir de informações compartilhadas pelos fornecedores do projeto, que afirmaram que o novo Jeep subcompacto estaria adaptado para receber tração nas quatro rodas, algo que a plataforma CMP da Peugeot-Citroën nunca previu originalmente. Por conta disso, modelos Europeus como o Peugeot 2008 de nova geração, o Citroën DS3 Crossback e o Opel Mokka não oferecem tração integral, algo que pode ser encontrado nos rivais.

Ainda não se confirmou como a Jeep fará a adaptação do sistema. Se adotar um sistema mecânico, seria necessário instalar itens extras como eixo cardã e diferencial traseiro, tornando a empreitada cara. No entanto, assim como aconteceu com os Compass e Renegade 4xe, híbridos plugáveis, aposta-se que a marca utilizará um motor elétrico no eixo traseiro para oferecer a tração integral.

Projeção de Kleber Silva para o futuro SUV derivado do projeto C21
Projeção de Kleber Silva para o futuro SUV derivado do projeto C21
Imagem: Kleber Silva