O novo 2008 (conhecido como projeto P24 dentro da Peugeot) já está em fase avançada testes na região da Escandinávia (Noruega, Dinamarca, Suécia e Finlândia). As provas servem para avaliar as resposta do modelo lidando com temperaturas baixas, uma vez que o modelo será vendido globalmente, bem como realizar um ajuste fino em sistemas como o ABS e os controles de tração e estabilidade.

Aqui no Brasil, contudo, é bom ficarmos de olho no desenvolvimento do projeto uma vez que a segunda geração do SUV compacto chegará ao país importado da planta de El Palomar, na Argentina. A profunda atualização do modelo fará com que ele compartilhe a plataforma CMP presente na nova geração do hatch 208, revelada neste ano na Europa, além de outras características mecânicas.

As fotos que circulam na Europa mostram um protótipo pesadamente camuflado, mas o material não deixa de evidenciar as mudanças profundas que o SUV necessita há um bom tempo. É possível notar, por exemplo, que o utilitário vai contar com um bom ganho nas dimensões. Tomando como base o visual do primo hatchback em sua nova geração, o designer Kleber Silva preparou uma projeção (clique na foto principal para ampliar a imagem) do que podemos esperar para a evolução do 2008, que certamente ganhará linhas bem mais arrojadas e esportivas. O novo Peugeot 2008 deverá ser conhecido em setembro deste ano durante o Salão de Frankfurt.

Segundo informações do site Argentina Autoblog, é possível que os atuais 208 e 2008 (feitos no Brasil) convivam com os novos que serão feitos no país vizinho, assim como a GM faz com Onix e Prisma. Como adiantamos aqui, a Peugeot estreia ainda neste mês aqui no Brasil o facelift para o 2008 produzido em Porto Real (RJ), que deixará o modelo em linha com o 2008 vendido na Europa. A estratégia, para o futuro, é que a segunda geração do SUV coexista com a primeira, sendo que a mais antiga passaria a contar com versões mais acessíveis e funcionaria como um SUV de entrada para a marca na região. Dependendo do preço que a Peugeot praticar para o modelo, pode ser uma saída interessante.  

Começando a investir fortemente na região, a América do Sul começa a ganhar destaque na estratégia global da PSA. Só em El Palomar, por exemplo, foram aplicados US$ 320 milhões de dólares. O montante também foi necessário para a adaptação da plataforma mais moderna na unidade em questão e garantir que os veículos argentinos tenham tanta qualidade quanto os que são feitos na França. A previsão é que a segunda geração do Peugeot 2008 chegue às concessionárias de Brasil e Argentina ao longo de 2020. 

Acima o atual Peugeot 2008 vendido na França
Acima o atual Peugeot 2008 vendido na França
Imagem: Divulgação

Vinicius Montoia

Formado pela PUC-SP em jornalismo, Vinicius já atua no setor automobilístico desde 2013. É criador do canal Narração Esportiva do Youtube, projeto que conta a história dos maiores narradores esportivos do país

Vinicius Montoia | https://www.youtube.com/channel/UC2lKRtZdmSdMRJZ8Pim78Fw