A Porsche não quer fazer feio em casa e para isso prepara um carro muito especial para o Salão de Frankfurt, em setembro. É a sétima geração do 911. A marca, no entanto, ainda não fala sobre a máquina, mas aquece os ânimos com antecedência com um vídeo-teaser do novo modelo. E como aquece. As imagens foram captadas durante os testes finais do carro no calor de 39° da África do Sul.

Como é de praxe antes do lançamento, a marca mantém o visual renovado do carro parcialmente coberto, mas é possível notar algumas diferenças, como o teto mais baixo e os faróis menores.

A edição norte-americana da revista Car and Driver afirma também que o novo 911 tem distância entre-eixos ligeiramente alongada. A publicação afirma que essa é uma adaptação necessária para o carro receber um provável sistema de motorização híbrida. Mas essa versão ainda não estará em Frankfurt. A reportagem aponta o lançamento do 911 híbrido para 2016, no segundo ciclo de atualizações da geração.

Porsche 911 2012
Divulgação

A reforma visual do novo 911 inclui teto mais baixo, entre-eixos alongados e faróis menores

Os motores também serão mais avançados, o que significa mais potência com maior eficiência de consumo de combustível. A marca já utiliza modernos sistemas de turboalimentação e injeção direta, que maximiza a energia gerada na combustão da gasolina. Segundo a revista americana, o novo 911 “básico”, a série Carrera, terá sua potência de motor 3.6 elevada de 345 cv para 350 cv. A mudança no Carrera S será maior. Com motor 3.8 atualizado, a cavalaria subirá dos 385 cv atuais para, enfim, 400 cv.

Porsche 911 2012
Reprodução/AutoCar

Mudanças no motor tornarão o carro mais potente e mais eficiência no consumo de combustível

Novidades também para a transmissão. O modelo com câmbio manual terá 7 velocidades, o mesmo número de marchas da caixa semi-automática PDK com dupla embreagem. Já os gastos com combustível devem baixar até 15% com a atualização do conjunto mecânico. Outra tecnologia esperada no carro é o sistema KERS para recuperação da enérgia das frenagens, que ajudam a gerar ainda mais potência.

A produção do carro deve começar logo após a mostra na Alemanha e as primeiras unidades começam a ser entregues na Alemanha no final deste ano e pelo restante da Europa nos primeiros meses de 2012. A linha da nova geração do 911 incluirá ainda, mais adiante, as versões com carroceria Targa ou Cabriolet, além das variadas versões com diferentes motorizações 4, 4S, Turbo, GT2 e GT3, que tem motor com mais de 600 cv.

 

Thiago Vinholes

|