Novo VW Polo ''basicão'' deve substituir Gol e Fox, adianta site

Marca alemã estaria de olho em desenvolver uma configuração chamada Track para servir como porta de entrada
Projeção de Kleber Silva antecipando o inédito Polo Track que pode ser produzido em Taubaté (SP)

Projeção de Kleber Silva antecipando o inédito Polo Track que pode ser produzido em Taubaté (SP) | Imagem: Kleber Silva

Em decorrência da pandemia, alguns investimentos e planejamentos futuros da Volkswagen no Brasil precisaram ser revistos. Além da Tarok, picape que seria rival da Fiat Toro, a nova geração do Gol virou dúvida. Isso sem contar o veterano Fox, que continua vendendo bem apesar de estar no fim de seu ciclo de vida. E isso fez com que a marca precisasse repensar seus próximos passos.

Segundo apuração do site Mobiauto, a Volkswagen já teria assinado um acordo com os respectivos sindicatos de suas quatro fábricas no Brasil. Assim, a fábrica de Taubaté (SP) teria conseguido assegurar a produção de três novos modelos caso um plano de reestruturação da empresa seja aprovado. Tal acordo inclui um plano de demissão voluntária, entre outras medidas.

Hoje produzindo modelos da família Gol e o up!, a fábrica de Taubaté deverá ser atualizada entre 2020 e o ano que vem para acomodar a produção de veículos que usam a plataforma MQB como base. A estreia seria com a linha 2022 do Polo, que deve chegar ainda em 2021 em companhia do Virtus, com os dois ganhando uma reestilização. A novidade mesmo é que a produção do hatch seria dividida: hoje ela é feita apenas em São Bernardo do Campo (SP).

Para não competir com a principal unidade produtiva da Volkswagen, Taubaté ficaria responsável pela produção de uma inédita versão chamada por enquanto de Track. Trata-se de uma configuração ainda mais básica que a atual 1.0 MPI e chegaria junto com a linha 2022 do hatch. Além de viabilizar a continuidade das operações da fábrica, a marca conseguiria ainda ter um substituto para Gol, Fox e até mesmo o up!, uma vez que o Polo “basicão” seria a nova porta de entrada da empresa. Vale a pena lembrar que tanto o Gol quanto o up! já contaram com a versão Track em suas respectivas linhas. 

Apesar de não existirem muitas informações a respeito do novo Polo Track, acredita-se que ele deverá continuar oferecendo o motor 1.0 aspirado de três cilindros capaz de entregar até 84 cv, hoje oferecido na versão de entrada do hatch. O que deve mudar é a lista de equipamentos de série, que pode ficar ainda mais enxuta para reduzir o preço. Além disso, o Polo Track não deverá receber as alterações do facelift da linha 2022 do hatch, estratégia similar a da Chevrolet com o Onix e o Onix Joy.

Enquanto a chegada de uma nova versão mais básica do Polo está quase certa, o futuro do Gol ainda não é conhecido. Há planos para que o hatch se transforme em um pequeno SUV, nos mesmos moldes do Renault Kwid, por exemplo. O projeto é conhecido internamente como A0 SUV ou VW246, mas ainda depende da aprovação dos planos de reestruturação da VW ter o destino definido. Para up! e Fox, porém, a dupla deverá sair de linha em 2022, quando se tornarem obrigatórios equipamentos como controles de tração e estabilidade em todos os carros 0 km fabricados no Brasil.

Projeção de Kleber Silva antecipando o inédito Polo Track que pode ser produzido em Taubaté (SP)
Projeção de Kleber Silva antecipando o inédito Polo Track que pode ser produzido em Taubaté (SP)
Imagem: Kleber Silva
Assine a newsletter semanal do AUTOO!