Peugeot venderá novo 308 no segundo semestre no Brasil

Nova geração do Peugeot 308 chegará ao mercado nacional importado e com preços na casa dos R$ 100 mil

Novo Peugeot 308: por enquanto, apenas importado para o Brasil | Imagem: Divulgação

Simultaneamente com o lançamento da linha reestilizada dos atuais 308 e 408, a Peugeot deve anunciar no Brasil a chegada da nova geração do 308, que começou a ser vendida há pouco tempo no mercado europeu. O novo hatch médio, de acordo com fontes ligadas à marca, deverá ser lançado no País no início do segundo semestre para se posicionar como um modelo “premium” da linha, portanto, acima do 308 atual, que é feito na Argentina.

O novo Peugeot 308 deve ser oferecido por aqui exclusivamente com o motor 1.6 THP, mas em duas versões. A primeira seguirá a mesma linha dos atuais carros turbo da marca, com 165 cv de potência e 24,5 kgfm de torque (por se tratar de um modelo importado, o propulsor não virá em sua versão flex). Já a segunda deve ser mais potente, com cerca de 220 cv. Ambos terão câmbio manual ou automático.

Quanto aos preços, para realmente dar a ideia de se tratar de um carro mais sofisticado, o 308 europeu deve ser oferecido no Brasil com preços entre R$ 95 mil e R$ 103 mil, fazendo frente as versões mais caras dos atuais hatches médios (principalmente o Volkswagen Golf Highline), deixando o atual Peugeot 308 como um rival para os modelos mais baratos, como Chevrolet Cruze LT e Ford Focus SE.

Para justificar parte desses valores, o novo 308 deve contar ainda com uma lista de equipamentos mais recheada e moderna, com direito a central multimídia com tela de 9,7 polegadas, freio de estacionamento elétrico e ar-condicionado de duas zonas.

Clientes mais abastados

O novo 308, que conta com uma plataforma mais avançada e estilo que adota o DNA mais recente da marca, virá da França, assim como os primeiros exemplares do 307, seu antecessor. Por isso não é de se esperar grandes volumes de vendas já que os impostos para importá-lo são mais elevados e o nível de sofisticação, elevado, o que se traduz num preço maior.

A opção em importar o 308 de nova geração tem a ver com a nova estratégia da Peugeot, de focar em clientes mais abastados e em produtos mais sofisticados. A marca abriu mão dos grandes volumes de vendas e hoje não tem mais um produto abaixo de R$ 40 mil à venda no Brasil. 

Assine a newsletter semanal do AUTOO!