Projeto 516: Jeep abaixo do Renegade estreia em 2022

Novidade terá variantes híbrida e elétrica; Fiat apostará em modelo derivado
Modelo abaixo do Renegade vai utilizar plataforma de origem PSA

Modelo abaixo do Renegade vai utilizar plataforma de origem PSA | Imagem: Divulgação

Notícia importante foi divulgada pelo Automotive News Europe e repercutida pelos principais veículos de imprensa ao redor do mundo. De acordo com o periódico europeu, a Jeep tem previsto para novembro de 2022 o início da produção de um novo modelo desenvolvido pela marca como o Projeto 516. Trata-se de um SUV subcompacto que será posicionado abaixo do Renegade em tamanho e preço.

Para viabilizar o projeto, o time da Jeep deverá aproveitar a plataforma CMP desenvolvida pela PSA antes da fusão que originou a Stellantis. Aplicada em diversos modelos da Peugeot, Citroën e Opel, a arquitetura foi pensada para modelos compactos e médios e também está pronta para a eletrificação, mostrando-se portanto bem versátil.

Com isso, apontam as apurações do Automotive News Europe, uma variante completamente elétrica do Projeto 516 será lançada em fevereiro de 2023, enquanto uma opção híbrida-leve deverá completar a gama aproximadamente um ano após a estreia da opção elétrica.

Interessante pontuar que a Fiat deverá aproveitar o desenvolvimento do futuro modelo de entrada da Jeep para adicionar um novo modelo em sua gama. A novidade, no caso da marca italiana, é tratada como o Projeto 364 e a previsão é que seu lançamento ocorra em 2023.

É cada vez mais nítido que o Projeto 516 da Jeep vai posicionar a marca no mesmo segmento de Nissan Magnite, Hyundai Venue, entre outros SUVs subcompactos, categoria que está ganhando cada vez mais força em diversos mercados.

Apesar do segmento ainda ser incipiente no Brasil, a Fiat vai começar a difundir a categoria por aqui com o lançamento do Projeto 363 neste ano. A Citroën, com um novo crossover desenvolvido na Índia que será nacionalizado neste ano, também vai trazer mais um representante para a categoria. O Magnite, por sua vez, deverá ocupar o lugar deixado pelo March na fábrica da marca em Resende (RJ). Com isso, a categoria também deverá crescer por aqui.

O Projeto 516 da Jeep, ao menos a princípio, é fortemente vinculado ao mercado europeu, tanto que será produzido em Tychy, na Polônia. Aqui no Brasil, o AUTOO questionou executivos da Jeep sobre a possibilidade de contarmos com um modelo abaixo do Renegade no país. Segundo eles, não haveria muito interesse da marca norte-americana em se posicionar no segmento no Brasil, ainda mais com a Stellantis e os representantes de Fiat e Citroën previstos para a categoria. Com a estreia do seu também inédito SUV 7 lugares produzido em Goiana (PE) neste ano, é provável que a Jeep foque apenas em segmentos de maior valor no Brasil. De qualquer forma, vamos acompanhar todas as movimentações de perto. 

Jeep Renegade 2021
Futuro modelo de entrada da Jeep deverá ter bem menos do que os 4,23 m do Renegade atual
Imagem: Divulgação