A Toyota lançará a linha 2011 do Corolla no dia 15 de março, mas conseguimos antecipar aqui algumas novidades. A principal é que as versões XEi e SE-G, mais equipadas, passam a contar com o novo motor Dual VVTi 2.0 litros com 153 cv de potência utilizando álcool.

Mas não é só. As mesmas versões ganharão um toque esportivo hoje disponível apenas no rival Civic, da Honda. Estamos falando do câmbio sequencial com paddle-shift atrás do volante, mais conhecidos como as borboletas semelhantes às usadas na Fórmula 1.

O novo motor 2.0 é 17 cv mais potente que o 1.8 que hoje equipa as principais versões. Além do maior volume, o propulsor conta com um sistema mais completo de comando de válvulas que controla também as válvulas de escape – o comum é apenas trabalhar com as de admissão. O resultado é uma potência específica um pouco melhor que a do 1.8: são 76,5 cv por litro contra 75,5 cv por litro do motor menor.

Mas a novidade terá um preço, aparentemente, salgado. Consultamos algumas concessionárias que nos passaram valores mais altos para o XEi e o SE-G. O primeiro pularia de R$ 73,5 mil para R$ 76 mil e o segundo, de R$ 86,3 mil para R$ 89 mil.

Depois de amargar a vice-liderança do segmento de sedãs médios, o Corolla superou o Civic em 2009 e terminou como o modelo mais vendido do gênero. Pelo jeito, a Toyota quer consolidar essa vantagem.

Conheça os carros mais vendidos do Brasil nos últimos 10 anos

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/