Toyota Hilux ''esportivada'' terá motorização mais potente, diz site

Hilux GR-S voltará ao mercado no começo de 2022
Acima detalhes da Hilux GR-S que já foi comercializada no Brasil

Acima detalhes da Hilux GR-S que já foi comercializada no Brasil | Imagem: Divulgação

Apesar de contar com um V6 sob o capô, é fato que a Toyota Hilux GR-S não foi uma versão muito procurada no Brasil sobretudo pelo fato do propulsor aceitar apenas gasolina. 

Agora tomando como base o facelift recente de sua picape média, a Toyota parece ter aprendido a lição e vai retomar a oferta do catálogo “esportivado” da Hilux com a motorização mais desejada pelo público brasileiro quando falamos de veículos neste segmento. 

Segundo reporta o Motor1 Argentina, a nova Hilux GR-S fará sua estreia no país vizinho em março do ano que vem trazendo uma nova calibração para o atual motor 2.8 turbodiesel presente na gama Hilux local. 

Com os aprimoramentos, o 2.8 passará a entregar 224 cv de potência, reporta o site argentino. Trata-se, portanto, de um salto de 20 cv em relação às demais opções da Hilux. Vale destacar que, a partir da linha 2022, a picape conta apenas com o propulsor diesel sob o capô, não oferecendo mais como opção o 2.7 flex. 

O ganho discreto na potência poderá ajudar a tornar as acelerações e retomadas da nova Hilux GR-S um pouco mais rápidas em relação aos outros catálogos da gama, o que é coerente com a proposta de apelo esportivo da configuração em questão. 

Caso a estreia da nova Hilux GR-S em março de 2022 se concretize no mercado argentino, é provável que a opção chegue também ao Brasil na mesma época. Vamos acompanhar. 

Em 2020, Hilux GR-S chegou a ser oferecida com motorizações 2.8 diesel e 4.0 V6 gasolina
Em 2020, Hilux GR-S chegou a ser oferecida com motorizações 2.8 diesel e 4.0 V6 gasolina
Imagem: Divulgação