Volkswagen Taos recebe críticas nos EUA por conta do consumo

Média de 13 km por litro divulgada foi considerada modesta por site de grande repercussão no país, que chamou o SUV de 'esquecível'
Volkswagen Taos 2021

Volkswagen Taos 2021 | Imagem: Divulgação

A piada sem graça da VW ao anunciar a mudança do nome ‘Voltswagen’ tem sido motivo de duras cobranças pela imprensa automotiva dos EUA. Nesta semana, a montadora alemã divulgou os dados de consumo SUV Taos no país.

Com média de 13,2 km por litro de gasolina, o consumo médio do utilitário esportivo provou comentários ácidos do site Jalopnik, um dos mais antigos e influentes nos Estados Unidos ,que chamou o carro de "SUV compacto esquecível".

Para ele, o Taos “existe apenas para que a Volkswagen consiga uma fatia de um segmento de mercado (SUVs compactos nos EUA) que movimenta quatro milhões de veículos por ano”. O fato de o SUV só ser vendido com motor 1.5 TSI de 158 cv foi lamentada pelo site, que cobrou uma versão híbrida do modelo.

A explicação dada pelo Jalopnik para o lançamento do modelo no país (e que é produzido no vizinho México) é que “a VW está produzindo o Taos porque pode, já que ele compartilha a mesma plataforma do Tiguan e do Atlas, e provavelmente não precisou de muita engenharia para fazer uma versão menor desses dois carros”.

Veja galeria de imagens do Volkswagen Taos

ID.4 aquém do esperado

O Jalopnik já havia demonstrado uma certa decepção com ID.4, o crossover elétrico que faz parte da sua ofensiva de zero emissão. Na avaliação que fez com o carro, o site considerou o preço acessível, mas o desempenho aquém ao de outros elétricos semelhantes da Tesla e Ford (Mustang Mach-E).

A maior crítica, no entanto, veio do fato de o ID.4 não ter um compartimento de bagagem na frente já que o veículo reedita a clássica configuração do Fusca, com motor e tração traseiros.

E no Brasil?

O Taos tem estreia marcada para junho nos EUA, com preços entre US$ 22.995 (versão com tração dianteira) e US$ 24.445 (tração integral). No Brasil, o SUV deve chegar ao mercado no final do semestre, importado da Argentina.

Por aqui, o modelo usará o motor 1.4 TSI já conhecido de outros modelos e que possui 150 cv de potência. Mas a Volks pode sacar uma versão com motor 2.0 turbo, o 350 TSI, com 230 cv e voltado a encarar as versões mais potentes do Jeep Compass.

Veja também o que acharam do Taos os mexicanos e os argentinos.