Eis uma novidade do Salão de Genebra que renderá muita discussão e comentários. A BMW mostrará no evento suíço o Série 5 Gran Turismo Concept. Como o nome diz, trata-se de uma nova variante do Série 5, modelo intermediário da sua linha, voltado para os cliente que querem um veículo grande e confortável, mas que não necessite de um motorista particular.

Mas o que surpreende é seu estilo cupê, mas mantendo as quatro portas. Lembra demais o X6, que é uma espécie de X5 misturado com o cupê Série 6. Mas o X6 é alto, como seu irmão, um utilitário esportivo. Já o Série 5 GT está mais para notchback, que é uma carroceria parecida com o hatchback, mas levemente alongada – basta lembrar do nosso glorioso Escort, da Ford. Os franceses têm o costume de oferecer modelos assim, mas para os alemães é novidade.

E não é só isso. O Série 5 GT, como todo bom conceito, pode antecipar as linhas da boa geração do sedã. O fato é que o protótipo significa mais uma mudança de conceitos na marca e não é difícil imaginar o novo Série 5 chegando ao mercado em versões sedã, perua e GT, como no visto neste conceito.

Porta-malas versátil

Uma das poucas novidades divulgadas pela BMW é o sistema duplo de abertura do porta-malas. O proprietário do Série 5 GT pode levantar toda a tampa, como em um hatch, ou optar por elevar apenas a parte inferior, caso precise manusear poucos volumes. Por falar em volume, o BMW possui assentos traseiros com ajuste longitudinal. Com isso, o espaço para os ocupantes da parte detrás pode ficar tão grande quanto o do Série 7, modelo muito maior que o Série 5. Nesse caso, a capacidade do porta-malas cai de 570 litros para 430 litros.

Realmente é um carro de dimensões avantajadas: são 5 metros de comprimento e 3 metros de entre-eixos, sem falar na largura de 1,9 m. O Série 5 Gran Turismo deverá ser o último modelo da BMW com a assinatura do designer Chris Bangle, que deixou a empresa recentemente.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier |