Com sete anos de mercado, o DS3 acaba de estrear suas primeiras mudanças visuais. A linha 2017 do compacto recebeu a nova filosofia de design da marca de luxo, com direito a nova grade hexagonal “DS-Wings”, que forma conjunto com os novos faróis, agora com xênon e três pontos de LED. Há ainda novas lanternas traseiras com efeito tridimensional.

Por dentro, o DS3 2017 traz como destaque um novo sistema de entretenimento com tela sensível ao toque de sete polegadas e compatibilidade com o Apple CarPlay e MirrorLink, este capaz de espelhar a tela de smartphones Android no painel do veículo. O modelo passa a dispor ainda de um acabamento mais refinado, com direito a couro com costura aparente no painel.

A lista de equipamentos de série traz ainda o sistema Active City Brake, que pode frear o veículo automaticamente ao detectar riscos de acidentes em velocidades de até 30 km/h, a fim de evitar ou diminuir as consequências de uma colisão.

 
 
 
 

Nos motores, há seis unidades a gasolina (1.2 PureTech de três cilindros aspirado ou turbo, de 82, 110 ou 130 cv, e 1.6 THP de 165 cv) e a duas a diesel (1.6 BlueHDI de 100 ou 120 cv).

O destaque da linha fica por conta do topo de linha Performance para o hatch e o conversível, que traz suspensão rebaixada em 15 milímetros e com ajuste mais firme, diferencial dianteiro com deslizamento limitado, freios Brembo, visual diferenciado e interior com acabamento em Alcântara. O motor do modelo é um THP de 210 cv e 22,8 kgfm, com câmbio manual de seis marchas.

O novo DS3 está disponível em 78 opções de cores para a carroceria e teto, 10 decalques para o teto do hatch, quatro opções de teto para o conversível e 15 opções de rodas de liga-leve.

A novidade começará a ser vendida na Europa em fevereiro. Por aqui, o novo DS deverá chegar entre o fim deste ano e o início de 2017. 

Leonardo Andrade

Leonardo Andrade |