Estacionar num shopping, por exemplo, chega a ser triste: há um “mar” de carros pretos e pratas. Na Europa, o cenário muda um pouco com a forte presença do branco, mas ainda assim as duas cores mais sóbrias dominam. Sem esperança de uma mudança radical, a Ford realizou uma pesquisa no velho continente para observar a preferência de cada país.

O intuito é reorganizar seus estoques, e abastecer cada país com modelos pintados nas cores que mais vendem. A pesquisa também aponta certas tendências, como os tons terrosos, como marrom e cobre, voltando fortemente às ruas. Confira abaixo qual a preferência de cada um:

Preto
Dinamarca (37,8%)
Noruega (31,6%)
Portugal (26,7%)
Alemanha (26,6%)
Russia (24,9%)

Azul
República Tcheca (24,5%)
Romênia (21,9%)
Inglaterra (19,7%)
Finlândia (16,2%)
Polônia (14,9%)

Marrom
Finlândia (1,4%)
Noruega (1,3%)
Bélgica (1,2%)
Polônia (0,9%)
Hungria (0,9%)

Bege
França (4,1%)
Itália (1,2%)
Grécia (0,8%)
Holanda (0,6%)
Hungria (0,5%)

Verde
Hungria (2,9%)
República Tcheca (2,1%)
Áustria (1,8%)
Alemanha (1,7%)
França (1,6%)

Cinza
Bélgica (20,8%)
Itália (17,6%)
Portugal (16,7%)
França (16,4%)
Holanda (16,4%)

Laranja
Suécia (0,8%)
Romênia (0,6%)
Hungria (0,4%)
Áustria (0,3%)
Polônia (0,28%)

Vermelho
República Tcheca (15%)
Finlândia (12,8%)
Grécia (12,7%)
Espanha (12,5%)
Bélgica (9,1%)

Prata
Irlanda (37%)
Romênia (30,2%)
Finlândia (29,4%)
Polônia (28,8%)
Suécia (28,3%)

Branco
Turquia (49%)
Hungria (32,2%)
Suíça (31,3%)
Espanha (28,8%)
França (27,5%)

Rodrigo Mora

|