Primeiro modelo projeto para os jovens chineses, com idade entre 20 e 30 anos, o Lannia está sendo apresentado pela Nissan no Salão de Xangai. O novo sedã médio, que estreia como uma exclusividade daquele mercado, é a versão de produção do conceito Lannia mostrado no ano passado e traz traços também do protótipo Friend-Me, que foi revelado pela montadora japonesa há cerca de dois anos.

O novo Nissan Lannia é fruto do Nissan Design China, em parceria com o Nissan Global Design Center, e traz a mais recente identidade visual da marca, já encontrada em modelos como o novo Maxima. O destaque fica por conta dos faróis espichados com recorte moderno, grade dianteira com aplique em “V” cromado, vincos marcantes nas laterais, janelas com uma espécie de prolongamento na cor preto e traseira volumosa.

No interior, o Nissan Lannia traz linhas mais simples, mas com destaque para o acabamento que traz detalhes na cor vermelha, como no painel, console central, bancos e costuras. O sedã exibe ainda uma central multimídia de 7 polegadas no centro do painel, que exibe informações dos sistemas de áudio e entretenimento.

Entre os equipamentos, o modelo oferece faróis Full LED, ar-condicionado automático, controle de cruzeiro, bancos com ajustes elétricos, teto solar, entre outros. 

 
 
Nissan Lannia Nissan Lannia
Nissan Lannia Nissan Lannia
Nissan Lannia Nissan Lannia
Nissan Lannia Nissan Lannia
Nissan Lannia Nissan Lannia
Nissan Lannia Nissan Lannia
Nissan Lannia Nissan Lannia
Nissan Lannia Nissan Lannia
 
 
Redação

Redação |