Enquanto o Bugatti Veyron e o Koenigsegg CCX-R não chegam, o Pagani Zonda F seguirá como o carro mais caro à venda no país. E agora com um cliente. O exemplar que estava exposto há dois anos na loja Platinuss, em São Paulo, encontrou um comprador.

O cliente, que não quis ser identificado, claro, mora no Estado de São Paulo e pagou um valor aproximado de R$ 4 milhões pelo bólido italiano, de projeto do argentino Horacio Pagani. A versão escolhida é a F, em homenagem ao piloto Juan Manuel Fangio.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/

Veja mais notícias da marca