A sensação é de déjà vu: uma marca alemã lança a 2ª geração de seu utilitário esportivo de luxo com um design mais esguio, motores mais econômicos e um sistema híbrido que une um V6 a um motor elétrico. Essa cena já ocorreu algumas semanas atrás com o novo Touareg, da Volkswagen, e agora se repete com o novo Cayenne, da Porsche.

Não é para menos. As duas marcas trabalharam juntas na concepção da primeira geração desses SUVs, antes mesmo de existirem conversas de fusão, e agora voltaram a sentar juntas para discutir a evolução dessa plataforma. Por isso tanto Touareg quanto Cayenne trazem soluções semelhantes para o dilema dos utilitários esportivos: como manter seu porte avantajado e ser econômico ao mesmo tempo?

A solução que Volkswagen e Porsche encontraram passou por um design mais fluido e aerodinâmico. No Cayenne isso significou uma aproximação com modelos como o 911 e o Panamera. Sua frente é mais “esculpida” e pontuda e sua altura, menor.

Apesar disso, o Porsche cresceu no comprimento (4,8 cm) e no entre eixos (4 cm) para oferecer mais espaço interno. Por falar nisso, o interior do modelo está mais arejado e parecido com o do Panamera. O cockpit, aliás, tem um ar de jato executivo, tamanha a quantidade de botões e comandos.

Desempenho de V8 com consumo de V6

A Porsche manteve as versões anteriores na nova geração e acrescentou uma, a S Hybrid que é a estrela do lançamento. Com motor V6 de 333 cv e outro elétrico de 47 cv, o Cayenne híbrido anda como um V8 e consome até menos que um V6, segundo a marca. Ele faz 12,2 km com um litro de gasolina contra 8,7 km do Cayenne Turbo, que também melhorou sua performance.

O câmbio que equipa as versões é um novo Tiptronic de oito marchas e todos os Cayenne vem com sistema Start-Stop. A Porsche mostrará toda a gama no Salão de Genebra, onde também estará seu irmão Touareg.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/