A Prefeitura de São Paulo lançará uma licitação nas próximas semanas para um serviço de carro compartilhado nos moldes do sistema Autolib’, de Paris. A informação foi confirmada ao AUTOO pelo secretário municipal de Transportes, Jilmar Tatto, na abertura do Salão de Veículos Elétricos que ocorre na capital paulista.

Segundo Tatto, o serviço será oferecido pela empresa que apresentar a melhor proposta para a cidade. Embora vários detalhes ainda sejam desconhecidos, a ideia é que os veículos fiquem estacionados em vagas de Zona Azul e que não tenham restrição de rodízio.

O sistema será semelhante ao das bicicletas compartilhadas em que o usuário pagará pelo uso e poderá deixa-lo em outro ponto de retirada na cidade. Ainda de acordo com o secretário, o serviço estará presente em todas as regiões.

Um dos pontos a serem definidos é se o sistema usará apenas carros ‘verdes’ (elétricos e híbridos) ou se oferecerá modelos convencionais com motor a explosão.

 
 
Estação do Autolib francês: sistema paulistano usará vagas de Zona Azul para deixar carros
 
Estação do Autolib francês: sistema paulistano usará vagas de Zona Azul para deixar carros
Estação do Autolib francês: sistema paulistano usará vagas de Zona Azul para deixar carros
Sistema de compartilhamento de carros de São Paulo deve ser parecido com o Autolib, de Paris
 
Sistema de compartilhamento de carros de São Paulo deve ser parecido com o Autolib, de Paris
Sistema de compartilhamento de carros de São Paulo deve ser parecido com o Autolib, de Paris
 
 

Experiência francesa

Assim como no caso das bicicletas compartilhadas (Velib’), também os carros foram criados pela prefeitura de Paris. O serviço de veículos, batizado de Autolib’, funciona desde o final de 2011. Ele utiliza os veículos elétricos Bluecar, pequenos compactos fabricados pela empresa Bolloré. Hoje existem cerca de 4 mil unidades disponíveis na capital francesa e mais de 125 mil assinantes do serviço, que usufruem de mil pontos de retirada e quase seis pontos de recarga.

Para participar do serviço francês, é necessário pagar uma anuidade de 120 euros (435 reais) e 6 euros a cada 30 minutos (22 reais) de uso no plano mais vantajoso.

Com a proximidade da eleição municipal, Tatto disse que o serviço pode ficar como legado do prefeito Fernando Haddad caso não seja reeleito.

César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo |