Uma das principais apostas de diversas montadoras para os próximos anos (como é o caso da Kia e da Ford), os carros autônomos também ganharão as linhas de montagens da Renault-Nissan. A aliança franco-japonesa anunciou recentemente que vai lançar mais de 10 veículos com a tecnologia. As novidades serão lançadas até 2020 em mercados como China, Estados Unidos, Europa e Japão. De acordo com a empresa, os carros autônomos serão “voltados ao grande público, em larga escala e com preços acessíveis”.

Os primeiros modelos autônomos da marca deverão ser lançados ainda neste ano, com direito a sistemas capazes de manter o veículo nas faixas de rolamento em estradas e congestionamentos. Já em 2018 será a vez de automóveis com sistema de mudança de faixa, mesmo em vias muito movimentadas. Por fim, em 2020, os carros poderão se locomover em trânsitos de grandes cidades, com manobras de conversões em esquinas urbanas e cruzamentos em rodovias.

No decorrer de 2016, a Renault-Nissan lançará um novo aplicativo para smartphones, que vai permitir a interação à distância com o veículo, seguido pelo primeiro “Sistema Multimídia da Aliança”, previsto para o ano que vem, com novas funcionalidades multimídia e de navegação, que otimizará a integração com smartphones e permitirá atualizar os dados dos mapas em tempo real. Em 2018, a plataforma da aliança para a “Conectividade e Internet das Coisas” integrará o novo "Assistente Pessoal Virtual", destinado a clientes pessoa física e jurídica.

As tecnologias autônomas da empresa serão oferecidas aos consumidores como itens opcionais. 

Redação

Redação |