Ela ainda é importada do México, mas pelo menos o “coração” já é praticamente o mesmo do irmão produzido no Brasil. A partir deste mês a Volkswagen Golf Variant passa a contar com o motor 1.4 TSI flex e o câmbio automático convencional de 6 marchas também presente no hatch médio. O conjunto entrega 150 cv com etanol ou gasolina e o torque é de 25,5 kgfm independente do combustível. Os números representam um ganho de 10 cv em relação ao 1.4 TSI movido apenas a gasolina usado até então na station.

Segundo a VW, a Golf Variant 1.4 TSI flex é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 9,1 segundos e alcança 207 km/h de velocidade máxima, um conjunto bem singular dentro da categoria. De apelo mais esportivo, o modelo inclusive conta com borboletas para troca de marcha no volante. Para lidar com a potência extra, a VW explica que o motor 1.4 turbo recebeu uma central eletrônica com novos hardware e software, catalisador cablibrado especificamente para o propulsor, além de pistões e anéis redimensionados. Para lidar melhor com a queima de etanol, o 1.4 TSI flex recebe guia de válvulas com dupla vedação e bicos injetores com tratamento especial para operar com o combustível.

Uma alteração importante no motor diz respeito à operação do sistema de injeção direta, que passou a operar com pressão de 250 bar ante os 200 bar no 1.4 TSI movido apenas a gasolina. As velas de dupla platina também são especiais e contam com geometria diferenciada para melhorar a queima do combustível na câmara.

Entre os equipamentos, a Volkswagen destaca que a central multimídia com o recurso App-Connect, que permite espelhar algumas funções do smartphone diretamente na tela do equipamento, e os comandos por voz do sistema agora passa a ser itens de série na Golf Variant.

A versão de entrada segue a Comfortline, tabelada em R$ 101.880, e traz como itens de série sete airbags (dois frontais, dois laterais nos bancos dianteiros, dois laterais do tipo cortina e um de joelho para o motorista), cintos de segurança automáticos de três pontos em todos os assentos, controle de tração (ASR), controle de estabilidade (ESC), bloqueio eletrônico do diferencial (EDS e XDS) distribuição eletrônica de frenagem (EBD), faróis de neblina com luz de conversão estática, sistema Isofix de fixação de cadeirinha de criança com top tether (que permite a fixação da parte superior da cadeirinha) e freios com Sistema de Frenagem Automática Pós-Colisão. A versão também conta com start-stop (desliga o motor quando o carro encontra-se parado para economizar combustível), ar-condicionado e rodas de liga leve aro 16”.

Acima dela estará a variante topo de linha Highline, nas lojas por R$ 113.290, que acrescenta na lista de itens de série recursos como ar-condicionado digital Climatronic (com duas zonas de resfriamento), bancos de couro, lanternas de LED, volante multifuncional com controles do computador de bordo e dos sistemas de som e telefonia, sensores de chuva e de luminosidade com “Coming Leaving & Home”.

 
 
Volkswagen Golf Variant 2017
 
Volkswagen Golf Variant 2017
Volkswagen Golf Variant 2017
Volkswagen Golf Variant 2017
 
Volkswagen Golf Variant 2017
Volkswagen Golf Variant 2017
Volkswagen Golf Variant 2017
 
Volkswagen Golf Variant 2017
Volkswagen Golf Variant 2017
 
 
César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo |