O sedã Jetta deve ganhar sua última reestilização antes de mudar profundamente. A Volkswagen lançou no México a linha 2010 com leves modificações que estarão presentes também nos modelos importados para o Brasil.

Nada que encha os olhos, no entanto. Externamente, a única mudança perceptível são as lanternas com fundo vermelho em vez do branco – as rodas da versão mexicana são diferentes, porém, lá o Jetta (na verdade, chamado de Bora) é vendido em padrões mais simples de acabamento e equipamentos.

Por dentro, a mudança é mais nítida. O volante tem os mesmos três raios do anterior, mas formato mais refinado, com um detalhe cromado na base. Já o painel de instrumentos troca a iluminação vermelha pela azulada. Os dois mostradores principais incorporaram também temperatura da água e nível de combustível, abrindo espaço para a tela do computador de bordo (clique aqui para ver a galeria comparativa).

O Jetta 2010 deve chegar ao Brasil dentro de alguns meses, assim que os estoques do atual acabarem. Agora a expectativa cresce em relação a um facelift profundo no modelo que passaria a contar com a frente do Golf europeu, assim como sua versão perua.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/