Há tempos a Kia promete um motor bicombustível para o Soul, e eis que ele finalmente chegou. A estimativa inicial era para outubro, mas atrasos na homologação do veículo adiaram sua chegada para este mês. Outra promessa cumprida pela marca sul-coreana era em relação ao preço, que seria mantido em R$ 52.900.

O propulsor 1.6 16V, que antes gerava 124 cv, agora rende 126 com tanque cheio de gasolina e 130 quando abastecido exclusivamente com etanol. O toque também sofreu uma pequena melhora, passando de 15,9 kgfm para 16,5 kgfm. A novidade é oferecida tanto com câmbio manual quanto automático.

Entre os principais equipamentos do Soul estão airbag duplo, volante com controles do rádio, rodas de 16 polegadas, espelhos retrovisores com desembaçadores, revestimento em couro para volante e manopla do câmbio, além de ar-condicionado ecológico e direção com assistência elétrica.

Rodrigo Mora

|