E a família Logan continua expandindo sua presença no mundo – ao menos no mundo em desenvolvimento. O modelo criado pela romena Dacia, subsidiária da Renault, é vendido em quase todos os continentes e agora chegou à África do Sul na versão picape.

Mas o grupo automobilístico formado pela Renault e a Nissan altera a estratégia de lançamento conforme o mercado. A picape Logan no país da Copa do Mundo de 2010 é chamada de NP 200 e leva o logo da Nissan.

É a mesma fórmula usada no México, onde o Logan sedã também é vendido pela marca japonesa, mais presente no país. O NP 200 substitui na África do Sul o modelo 1400, utilitário produzido há muitos anos e completamente ultrapassado.

O Nissan NP 200 faria bonito no Brasil como opção de trabalho. Sua caçamba tem 1,8 m de comprimento e leva até 800 kg de carga útil – Strada, da Fiat, pode levar 700 kg no máximo. Mas não há planos de vendê-lo aqui até agora.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier |