Tradicionalmente o Salão de Genebra, na Suíça, sempre foi palco de lançamento de carros superesportivos com suas centenas de cavalos de potência. A edição deste ano, que acontece em março, não será diferente. Além da nova Ferrari FF, outro destaque do evento será o Pagani Huayra, novo modelo da marca dirigida pelo ítalo-argentino Horácio Pagani e que, em 2012, substituirá o Zonda. Ainda mantido em segredo pela fabricante, o modelo, até então conhecido como C9, já mostra sua cara na versão espanhola da CAR.

Segundo a publicação, o Huayra será produzido no ritmo de 20 unidades por ano e custará um milhão de euros, cerca de R$ 2.265.000. Ainda segundo a fonte, o novo Pagani terá motor central-traseiro 6.0 V12 biturbo de 700 cv fornecido pela Mercedes-Benz AMG, assim como acontece atualmente com o Zonda. Já a parte visual tem como destaque a carroceria toda de fibra de carbono e as portas com abertura no estilo asa-de-gaivota, como as do Mercedes SLS AMG.

O nome Hyuara significa “vento” no antigo dialeto quíchua, que era falado pelos antigos incas e que ainda é praticado em pequenos povoados na América do Sul. Já o título Zonda remete a forte corrente de ar que sobe pela Cordilheira dos Andes, famosa por chacoalhar muitos aviões que passam pela região.

Thiago Vinholes

|

Veja mais notícias da marca