O Grupo Volkswagen planeja liderar o mercado global de automóveis até 2018, mas para alcançar essa meta a empresa precisa aumentar sua participação nos Estados Unidos. Para resolver essa parte da questão a marca inaugurou nesta terça-feira (24) sua primeira fábrica no país, na cidade de Chattanooga no estado do Tennesse.

Segundo a VW, a nova planta produzirá a versão local da nova geração do sedã Passat ao ritmo de 150.000 unidades por ano. A instalação ocupa uma área de 5,6 km² e já emprega mais de 2.000 pessoas diretamente e mais de 10.000 no entorno da fábrica. Em comunicado, a montadora afirma que a fábrica norte-americana consumiu cerca de US$ 1 bilhão.

Atualmente a Volkswagen detém uma fatia de 6% do mercado de carros nos EUA. Os carros da marca à venda no país chegam importados da Europa e principalmente do México, onde são feitos modelos como o novo Jetta e Jetta Variant. Essa mesma fábrica também produzirá a nova geração do Beetle, que estreia na região em 2012.

Thiago Vinholes

|