Chrysler comemora produção de 1 milhão de motores Pentastar

Montadora atingiu volume em 18 meses de produção; bloco V6 é utilizado em veículos Chrysler, Dodge e Jeep

Bloco 3.6 V6 Pentastar | Imagem: Chrysler

A recuperação do Grupo Chrysler, que em 2008 quase fechou suas portas, já é evidente muito por conta dos investimentos realizados pelo Grupo Fiat, hoje no controle da empresa. Prova disso é a produção do novo motor V6 Pentastar, que em apenas 18 meses após sua estreia já chegou a marca de 1 milhão de unidades produzidas nas fábricas do conglomerado em Michigan, nos Estados Unidos, e em Saltillo, no México.

Concebido como um bloco focado em eficiência de consumo, o Pentastar substituiu os propulsores 2.7 e 4.0, ambos V6, nos portfólio de Chrysler, Dodge e Jeep.

Outra característica do novo motor 3.6 V6 do Grupo Chrysler é sua facilidade de construção. Em relação ao bloco 4.0 anterior, a quantidade de componentes foi reduzida de 189 partes para apenas 32, segundo a montadora. O Pentastar também permitiu a introdução da transmissão automática de 8 marchas do Grupo Chrysler, mais moderna.

O primeiro veículo do conglomerado a receber o conjunto mecânico Pentastar foi o Grand Cherokee, em sua geração mais recente. Hoje, o motor também já aplicado nos modelos Jeep Wrangler, Dodge Avenger, Challenger, Charger, Durango, Journey e CaravanChrysler 200, 300 e Town and Country.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!