Fox BlueMotion vai estrear o novo motor 1.0 três cilindros da VW

Propulsor EA 211 gera cerca de 80 cv; bloco é o mesmo que será usado no Up! nacional

VW Fox BlueMotion 2013 | Imagem: VW

Os carros compactos da Volkswagen do Brasil se preparam para uma série de modificações significativas, conforme aponta o site Automotive Business. Segundo a publicação, as novidades vão começar pelo Fox, que vai ganhar até o final deste ano o inédito motor EA 211, o bloco 1.0 com apenas três cilindros. O propulsor vai acompanhar a próxima versão BlueMotion do carro, a série equipada com recursos para reduzir o consumo de combustível.

Esse mesmo motor, com cerca de 80 cv, também será aplicado na versão nacional do up!, o compacto global da VW que chega ao mercado ainda neste ano.

A globalização de componentes também é uma das prioridades da VW no Brasil. A ideia da marca é criar uma série de produtos baseados sob uma mesma plataforma, no caso a MSF, já usada no up! à venda na Europa e seus derivados. Por aqui, essa mesma base será usada pelo up! nacional e as próximas gerações nacionais de Fox, Gol e Polo. Esse compartilhamento permitirá a montadora economizar com recursos materiais e de logística e ainda reduzir o tempo de produção.

A onda dos motores três cilindros

Uma das formas de reduzir o consumo de combustível é diminuindo o tamanho do motor. É nesse campo que os blocos com apenas três cilindros aparecem como uma alternativa aos motores convencionais com quatro cilindros (ou mais). Esse tipo de propulsor deixou de ser tendência e já é realidade no Brasil: Hyundai HB20 e Kia Picanto já têm a tecnologia.

Além da VW, que deve lançar um motor 1.0 três cilindros até o final deste ano, a Ford vai seguir o mesmo caminho, possivelmente em 2014. É possível que a próxima geração do Ka (e New Fiesta também), seja impulsionada pelo motor 1.0 EcoBoost, que também será produzido no Brasil.

Já a Fiat planeja diminuir ainda mais seus motores. A divisão nacional da marca pode adotar o motor TwinAir, com apenas dois cilindros, no projeto 344, como vem sendo chamado nos bastidores o próximo subcompacto da empresa cotado para substituir o veterano Mille.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!