GM suspende exportação de carros para a Argentina

Restrição na oferta do dólar foi o principal motivo; empresa vai dar prioridade para a exportação de peças

Avaliamos a Chevrolet S10 LTZ 4x4 cabine dupla | Imagem: Guilber Hidaka

A General Motors interrompeu temporariamente a exportação de automóveis do Brasil para a Argentina. De acordo com o presidente da divisão sul-americana do grupo, Jaime Ardila, a decisão é decorrente as dificuldades enfrentadas pelo país vizinho para liberação de dólares para importação de veículos, dando prioridade para o envio de peças, já que as fábricas argentinas operam usando componentes brasileiros na produção dos carros.

“O estoque atual é suficiente para o ritmo de vendas do mercado local”, disse o executivo. A GM exporta os modelos Celta, Onix, Prisma, Cobalt, Spin, S10, Trailblazer e Montana. Destes modelos, os compactos Onix e Prisma e a picape S10 produzidos no território brasileiro já deixaram de ser exportados para a Argentina.

Ainda segundo Ardila, as exportações devem retornar assim que o governo argentino sanar os impasses com o grupo de credores norte-americanos, que se negou a negociar a dívida externa da Argentina. De acordo com executivos locais ouvidos pelo Valor Econômico, as montadoras esperam receber US$ 2,5 bilhões, presos por conta da restrição da moeda americana por parte do Banco Central.

Recomendados por AUTOO

Youtube
RAM Rampage Laramie a diesel

RAM Rampage Laramie a diesel

Será que ainda é vantajoso ter picape com motor turbodiesel?
Aviação
Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Mas nega que isso possa atrapalhar operação dos novos Gripen suecos
MOTOO
A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

Lista reúne as 10 motos mais baratas do Brasil em maio de 2024. Descubra as opções