Argo HGT, HB20 Sport ou Onix RS: qual é o melhor ''esportivado''?

Versões na faixa de R$ 80 mil disputam consumidor que busca visual diferenciado
Onix RS, Argo HGT e HB20 Sport: qual é a melhor opção entre os "esportivados"?

Onix RS, Argo HGT e HB20 Sport: qual é a melhor opção entre os "esportivados"? | Imagem: Divulgação

Ao lado dos “aventureiros”, outra proposta que faz sucesso entre os hatches compactos são as versões apenas com apelo esportivo. Carinhosamente chamados de “esportivados”, esses catálogos geralmente tomam como base o motor mais potente encontrado no portfólio de determinado modelo e ainda podem contar com sutis aprimoramentos mecânicos para realçar o envolvimento do motorista ao volante. O foco dessas versões, contudo, fica mesmo por conta de diferenciais estéticos que tornem o visual mais agressivo e dinâmico.

Sem incluir produtos que contam com conjuntos mecânicos diferenciados e que de fato colaboram para entregar um desempenho superior, como é o caso Volkswagen Polo GTS (a partir de R$ 113.190) ou o Renault Sandero R.S. (R$ 81.990), hoje o mercado de “esportivados” conta com três opções de grande destaque entre os hatches compactos mais vendidos. Estamos falando do Fiat Argo HGT (R$ 80.990), Hyundai HB20 Sport (R$ 79.590) e do Chevrolet Onix RS (R$ 78.480).

Além de atuarem em uma faixa de preço equivalente, os três modelos contam com outra particularidade em comum: são oferecidos apenas com transmissão automática, câmbio que domina a preferência do público brasileiro em modelos acima de R$ 70 mil. Prova disso é que a Fiat chegou a oferecer, na época da estreia da versão, o Argo HGT manual, o qual foi descontinuado após pouco tempo em linha pela baixa procura.

Mas qual dos três hatches é a escolha mais interessante? Vamos começar com uma análise ponto a ponto de cada um deles.

Fiat Argo HGT 

Pontos positivos: o Argo HGT, ou High Gran Turismo, traz uma proposta visual intermediária entre o HB20 Sport e o Onix RS. O Fiat não é tão discreto quanto o Hyundai, mas também não vai muito além de oferecer uma roda de liga leve aro 17” com estilo mais arrojado, ponteira do escapamento esportiva, grade dianteira inferior com finalização própria para a versão, entre outros diferenciais. No geral, o estilo do Argo HGT agrada sobretudo quem quer um hatch que se diferencie no estilo, mas sem exageros. Conta a favor do Argo HGT o bom nível de acabamento interno, aliás um diferencial do Fiat também em outras versões. O hatch adota uma calibração esportiva para a suspensão, denotando um cuidado adicional da marca e um esforço para ir um pouco além do visual.

Pontos negativos: considerando que ele é o mais caro dos três hatches “esportivados” reunidos aqui, o Argo HGT deveria entregar bem mais em termos de equipamentos. Em termos de custo-benefício ele deixa a desejar quando comparado ao Onix RS e o HB20 Sport até mesmo do ponto de vista da segurança. Enquanto o Chevrolet sai de fábrica com 6 airbags e o Hyundai com 4 bolsas infláveis, o Argo HGT conta apenas com o airbag duplo frontal obrigatório por lei. É possível acrescentar os airbags laterais no hatch, porém é necessário pagar R$ 2.600, elevando ainda mais o preço final do modelo. Outro ponto negativo do Argo HGT vai para a questão da eficiência. HB20 Sport e Onix RS conseguem entregar o mesmo nível de desempenho do Argo HGT com a vantagem do consumo muito menor. Segundo dados oficiais, o Fiat acelera de 0 a 100 km/h em 10,4 segundos, enquanto o Hyundai precisa de 10,7 segundos e o Chevrolet cumpre a prova em 10,1 segundos. As médias de consumo do Argo HGT são de 9,9 km/l na cidade e 12,8 km/l na estrada com gasolina. O Onix RS registra 10,1 e 14,4 km/l nas mesmas condições e o HB20 Sport atinge 11,7 e 14 km/l.

Hyundai HB20 Sport 

Pontos positivos: sem dúvida o Hyundai oferece o conjunto mecânico mais sofisticado do trio. Ele é único a combinar injeção direta e turbo em seu motor 1.0 tricilíndrico, o qual forma uma excelente dupla com a transmissão automática de 6 marchas. Adotando uma calibração comedida para manter o consumo em patamares baixos, é nítido ao volante do HB20 turbo como a Hyundai poderia extrair, se assim desejar, bem mais em termos de potência e torque de seu motor Kappa 1.0 TGDI. Mesmo assim, o HB20 Sport oferece ótimas acelerações e retomadas e um comportamento convincente ao volante. Vale destacar ainda o bom nível de equipamentos da versão, com revestimento interno mesclando couro e tecido, carregador de smartphones por indução, aletas para trocas de marchas no volante, sensor de estacionamento, entre outros recursos. A posição de dirigir do Hyundai também é elogiável. O HB20 Sport ainda conta com 5 anos de garantia e custo de manutenção competitivo.

Pontos negativos: o consumidor que está de olho em um hatch “esportivado” certamente está em busca de um visual mais envolvente e aqui talvez seja um ponto onde o HB20 Sport poderia entregar mais. Apesar das saias laterais e traseira, detalhes vermelhos nas rodas e nos para-choques e os retrovisores externos com capa na cor preta, o HB20 Sport poderia ser mais arrojado nesse quesito. Na parte interna, o Hyundai mostra-se bem resolvido, com destaque para o belo revestimento interno dos bancos, o volante com acabamento de couro e os pedais esportivos de alumínio. A qualidade de montagem da cabine é claramente percebida, entretanto um pouco mais de ousadia cairia bem.

Chevrolet Onix RS 

Pontos positivos: a Chevrolet não brincou em serviço quando o assunto é custo-benefício e fez a segunda geração do Onix se destacar ainda mais no segmento. Na versão RS (Rally Sport) não é diferente e o modelo, além de mais barato do trio, também é um dos mais equipados. A favor do Onix RS também está o ótimo compromisso entre desempenho e economia de combustível do seu conjunto mecânico, oferecendo performance alinhada com o que encontramos no HB20 Sport. Por fim, o Chevrolet é o que conta com um trabalho de design específico para a versão melhor executado. A grade dianteira do Onix RS é exclusiva da versão e bem mais agressiva que encontrado nos demais modelos aqui reunido, destaque também para diferenciais como o aerofólio traseiro bem destacado, entre outros.

Pontos negativos: assim como o HB20 Sport, o Onix RS traz um interessante acabamento interno para os bancos exclusivo da versão combinando tecido e material sintético premium, contudo os plásticos e demais elementos aplicados na cabine do hatch poderiam apresentar um aspecto visual mais sofisticado. É uma ressalva, inclusive, que vale para todas as versões do modelo.

Considerando tudo, o campeão é... 

Ao ponderarmos todas as características dos três hatches reunidos aqui, podemos dizer que o Fiat Argo HGT fica na 3ª posição em nosso ranking dos melhores “esportivados”. O Fiat até capricha no acabamento interno, tem alguns diferenciais como o acerto mais dinâmico para a suspensão, porém fica devendo um conjunto mecânico eficiente frente aos rivais sobrealimentados. Talvez quando receber o novo motor 1.0 turbo que a Fiat vai produzir em Betim (MG), o Argo HGT ganhará uma mecânica muito mais condizente com seu ótimo projeto.

A disputa entre Chevrolet Onix RS e Hyundai HB20 Sport é mais do que acirrada e um empate técnico talvez seja o resultado mais justo para dois modelos que, não por acaso, dominam a garagem dos brasileiros há um bom tempo. Porém, para você que acompanhou este texto até aqui, não seria justo deixarmos de apresentar o modelo que seria nossa escolha entre os melhores hatches “esportivados” do mercado.

Tanto o HB20 Sport quanto o Onix RS são equivalentes em desempenho e consumo, além de atributos como espaço interno, porta-malas, entre outros. Mas existe uma questão que conduz o Chevrolet para o posto de campeão em nossa análise. O que pesa como o critério decisivo a favor do Onix RS é exatamente o propósito para o qual os hatches com apelo esportivo foram projetados. É claro que falar em design ou estética envolve muitas questões particulares, mas é inegável que o Chevrolet vai além no quesito visual e traz soluções próprias do catálogo RS que resultam em uma diferenciação efetiva do modelo não só dentro da gama Onix como no segmento de maneira geral. Um compromisso bem interessante que a marca norte-americana conseguiu trazer ao mercado.

Onix RS, Argo HGT e HB20 Sport: qual é a melhor opção entre os "esportivados"?

Onix RS, Argo HGT e HB20 Sport: qual é a melhor opção entre os "esportivados"?