Híbrido esportivo, Fisker Karma finalmente é lançado nos EUA

Modelo alternativo mistura desempenho com alto luxo e pode rodar até 28 km/l

Fisker Karma | Imagem: divulgação

A tecnologia dos carros híbridos já está tão avançada que é possível desenvolver um sedã de 5 metros de comprimento com consumo de combustível superior ao de um carro com motor 1.0 litro. O Fisker Karma é um desses casos. Enfim lançado nos Estados Unidos – o conceito estreou em 2008 - o modelo produzido na Califórnia combina desempenho esportivo com alto luxo sem exagerar nos gastos com gasolina: o carro pode rodar até 28 km/l, contra menos de 20 km/l de um "concorrente" 1.0.

O modelo está à venda nos EUA por US$ 95.000 (cerca de R$ 167.300), já incluindo o desconto de US$ 7.000 (R$ 12.300) concedido pelo governo local, que incentiva o comércio dos “carros verdes” para reduzir os índices de poluição gerada por automóveis. Esse mesmo tipo de isenção também será oferecida ao Karma na Europa, onde tem chegada prevista somente para 2012.

Um dos slogans da marca californiana para o carro é “luxo com responsabilidade”, justificado pelo acabamento interno de ponta aliado ao conjunto mecânico focado em eficiência composto por um motor 2.0 turbo de 260 cv e outro elétrico de 237 cv. Segundo a empresa, os propulsores podem funcionar de forma combinada ou somente com a fonte elétrica, que rende sozinha uma autonomia de até 80 km – com os dois motores em operação o alcance sobe para 480 km.

A energia necessária para o motor elétrico vem de baterias de ion lítio alojadas na parte traseira do Karma. Já a recarca do conjunto é feita pelo motor a combustão e o sistema de freios regenerativos. Não há, no entanto, a possibilidade de fazer a recarga por meio da rede elétrica convencional.

A fabricante afirma que o sedã híbrido pode acelerar do 0 aos 100 km/h em 5,9 segundos e atingir 201 km/h de velocidade máxima. Para frear com segurança, o Karma utiliza sistemas da Brembo, a mesma fornecedora de freios da Ferrari e Ducati, além de equipamentos de segurança como controles eletrônicos de tração e estabilidade.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!