Peugeot EX1 bate recorde entre os elétricos

Protótipo marcou a melhor volta para um veículo de seu gênero no circuito de Nürburgring

Peugeot EX1 | Imagem: divulgação

Quem disse que os carros elétricos não são rápidos? A Peugeot provou que este tipo de tecnologia também é viável para os adeptos da velocidade ao marcar a melhor volta em Nurburgring com um veículo movido somente por baterias. O modelo em questão foi o protótipo EX1, apresentado em 2010 no Salão Paris, que foi conduzido pelo piloto francês Stéphane Caillet. O tempo foi de 9 minutos e 1 segundo.

O EX1 tem um desenho um tanto exótico, em especial nas rodas traseiras, que parecem flutuar. A cabine leva apenas dois ocupantes e não há capota. Mas tem potência de sobra. Segundo a marca do leão, o motor elétrico do protótipo gera 340 cv. Outra demonstração de seu funcionamento foi a velocidade média do carro durante a volta recorde: 138,324 km/h.

O autódromo de Nürburgring, localizado na Alemanha, é famoso por sua extensão – são 20,8 km de pista, com diferentes tipos de asfaltos, dezenas de curvas e uma longa reta com mais de 4 km. Foi concluído em 1927 e desde então serviu de palco para as mais variadas categorias do automobilismo e também é utilizada pelas montadoras para desenvolver novos carros.

O recorde absoluto do circuito é do protótipo Radical SR8 LM, que percorreu a pista de uma ponta a outra em 6 minutos e 48 segundos. Em comunicado, a Peugeot afirmou que em breve divulgará um vídeo no EX1 em ação na pista germânica.

Recomendados por AUTOO

Youtube
Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Modelo ganhou novo visual e alguns equipamentos interessantes. Assista
Aviação
Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Embraer KC-390 da FAB pode ser convertido para avião bombeiro. Veja como funciona
MOTOO
Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Uma das maiores montadoras do mundo, a gigante indiana construiu fábrica própria em Manaus para produção de motocicletas