Possível sucessor do Celta é revelado pela GM

Opel Karl começa a ser vendido na Europa em 2015 e terá versão da Chevrolet. Modelo será o carro de entrada da montadora em vários mercados

Opel Karl | Imagem: Divulgação

O segmento de carros populares globais acaba de ganhar um novo representante. A Opel, marca europeia do grupo General Motors, apresentou nesta quarta-feira (3) o Karl, que chega para se posicionar como modelo de entrada da linha da fabricante, com preço estimado de 9,5 mil euros – o que equivale a cerca de R$ 30,2 mil, sem impostos. O modelo dará origem à versões da Vauxhall e da Chevrolet, nesse caso com o nome Viva e pode ser uma opção para substituir o Celta como carro mais barato da marca no Brasil.

A novidade, por enquanto, chegará aos concessionários europeus no final do primeiro semestre logo após sua primeira aparição oficial ao público, no Salão de Genebra, em março. O Opel Karl, assim como seus rivais (leia-se Renault Twingo, Kia Picanto, Hyundai i10 e Volkswagen up!) é bastante compacto, com direito a 3,68 metros de comprimento e peso de cerca de 900 kg. Apesar disso, de acordo com a fabricante, o hatch tem espaço para levar até cinco pessoas em seu interior.

O Karl traz itens dignos de carros mais caros – pelo menos para nós brasileiros –, como é o caso do teto solar elétrico, volante e bancos com aquecimento, controle eletrônico de estabilidade e de tração, sistema de entretenimento IntelliLink, sistema de direção com modo de cidade para reduzir o esforço do motorista, controle de cruzeiro, aviso de saída de faixa e até assistente de estacionamento.O hatch oferecerá ainda dez opções de cores para a carroceria e rodas de 14 a 16 polegadas.

O único motor disponível para o Karl será o 1.0 litro aspirado de três cilindros a gasolina, com potência máxima de 75 cavalos de potência, sempre com câmbio manual de cinco marchas. Segundo a Opel, o chassi do carro foi ajustado para proporcionar “segurança e conforto excepcionais”.

Modelo global que pode chegar ao Brasil

O Karl foi projetado para ser comercializado em diversos mercados do mundo, inclusive como um modelo da Chevrolet. Por aqui, a fabricante norte-americana está cogitando um novo hatch para ocupar o lugar do veterano Celta, para competir de igual para igual com o up! e dar continuidade a modernização de sua linha.

A montadora, inclusive, disputava um novo investimento para produzir o modelo, mas o projeto estaria congelado. Em conversas recentes, um executivo da GM confidenciou ao AUTOO que o mercado abaixo de R$ 30 mil deixou de ser interessante no Brasil já que os volumes caíram demais após a chegada dos novos compactos mais equipados. Mas pode ser apenas papo para desviar o foco da mídia.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!