Produção nacional de carros flex chega a 20 milhões de unidades

Mercado tem atualmente 200 modelos de 15 marcas equipados com a tecnologia

Gasolina ou etanol? | Imagem: VW

Os carros com motores flexíveis que podem ser abastecidos com etanol ou gasolina de forma isolada ou misturados em qualquer proporção completaram em junho 10 anos de existência e atingiram o volume de 20 milhões de unidades produzidas no Brasil. O número foi divulgado pelo presidente da Anfavea (associação das montadoras), Luiz Moan, durante o Ethanol Summit 2013, conferência sobre o setor sucroenergético, realizada em São Paulo (SP) na última sexta-feira (28).

Desenvolvida no Brasil, a tecnologia está presente atualmente em 200 modelos de 15 marcas, entre nacionais e importados.

O primeiro automóvel nacional flex foi o Volkswagen Gol, que na ocasião inaugurou a linha de motores “Total Flex” da montadora alemã. O modelo estreou em março de 2003 com o bloco 1.6 bicombustível. Nesse mesmo ano a General Motors lançou o motor 1.8 “FlexPower” no Corsa. Em 2005, entraram para o grupo Ford, Fiat, Peugeot, Honda, Mitsubishi, Toyota e Citroën.

Veja mais: Fox BlueMotion 1.0 mira no bolso do cliente

A oferta de motores flex cobre atualmente mais de 90% dos carros à venda no Brasil, ao passo que a frota circulante corresponde a quase 60% do total e pode chegar a 80% em menos de cinco anos, conforme previsão da Anfavea.

Engana-se, porém, quem pensa que o Gol foi o primeiro veículo flex do mercado. A tecnologia estrou no rudimentar Ford T, fabricado entre 1908 até 1927, que também foi o primeiro automóvel produzido em série no mundo. O carro possuía um carburador de injeção ajustável que permitia o uso de gasolina, etanol ou uma mistura de ambos.

Recomendados por AUTOO

Youtube
Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Modelo ganhou novo visual e alguns equipamentos interessantes. Assista
Aviação
Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Embraer KC-390 da FAB pode ser convertido para avião bombeiro. Veja como funciona
MOTOO
Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Uma das maiores montadoras do mundo, a gigante indiana construiu fábrica própria em Manaus para produção de motocicletas