Próximo Bravo não será "cópia", diz Fiat

CEO Sergio Marchionne descarta modelo comum e chama Nissan Qashqai de "convencional"

Fiat Bravo | Imagem: Fiat

Mal chegou ao Brasil e o Bravo pode ver em breve sua próxima geração nascer bem diferente na Europa. Em entrevista à revista inglesa Autocar durante o Salão de Detroit, Sergio Marchionne, CEO da Fiat, disse que a continuação do modelo não será uma "cópia" dos concorrentes, e que a marca italiana adotará um tratamento mais "radical" no seu desenvolvimento.

"Substituir o Bravo com um produto copiado seria totalmente inapropriado", avisa Marchionnne. "Eu tenho observado várias versões para o futuro. Ainda não temos nenhuma conclusão, mas o que vamos lançar não será uma oferta tradicional", completa o chefão da Fiat.

Quando perguntado se a Fiat seguiria a estratégia da Nissan com o crossover Qashqai para abastecer o segmento C, Marchionne afirmou que a ideia da sua empresa é ir além: "no fundo, o Qashqai é um carro bem convencional". O executivo, no entanto, não revelou quando o próximo (ou substituto) do Bravo seria apresentado.

Recomendados por AUTOO

Youtube
Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Modelo ganhou novo visual e alguns equipamentos interessantes. Assista
Aviação
Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Embraer KC-390 da FAB pode ser convertido para avião bombeiro. Veja como funciona
MOTOO
Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Uma das maiores montadoras do mundo, a gigante indiana construiu fábrica própria em Manaus para produção de motocicletas