RR Wraith pode ganhar versão sem teto

Durante lançamento do coupé mais luxuoso da marca, CEO da marca falou sobre uma versão conversível e descartou produção do SUV

Rolls-Royce Wraith 2014 | Imagem: Divulgação

O Rolls-Royce Wraith, apresentado ao público no último Salão de Genebra, pode ganhar uma versão conversível. Foi o que afirmou o CEO da empresa Torsten Muller-Otvos durante o lançamento do carro, na Inglaterra. No entanto, a versão sem o suntuoso teto que simula um céu estrelado pode demorar dois anos para estrear.

O Wraith não é apenas o modelo mais luxuoso da marca britânica, mas também o mais rápido. Sob o capô, ostenta um motor V12 de 6.6 litros que produz 632 cv e 81,5 kgfm de torque. Acoplado ao propulsor, está uma transmissão automática de oito velocidades que permite cumprir o tradicional zero a 100 km/h em 4,4 segundos.

O CEO da Rolls-Royce ainda acrescentou que a marca não planeja produzir um SUV, descartando os recentes rumores."Nós não temos planos de produzir um SUV. Definitivamente não", disse Otvos

A marca revela que já está pensando na próxima geração da família Phantom, que pode contar com um híbrido plug-in, no entanto o lançamento deve ocorrer apenas daqui a três anos. Os modelos Rolls-Royce são produzidos na planta de Goodwood, e estima-se que o Wraith eleve a atual produção de 3.000 unidades por ano para cerca de 4.700 unidades.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!