O slogan impressiona: "230 mpg". Para os norte-americanos, que não usam o sistema métrico, imaginar um carro que consiga rodar 230 milhas por galão de combustível é um número mágico. Pois é isso que a General Motors diz que o Volt, seu carro mais revolucionário dos últimos tempos, conseguirá fazer.

Esse valor equivale a 97,7 km/l, ou seja, quase 100 km para cada litro de combustível. Nem o mais econômico dos populares chega perto da marca. Mas qual seria o segredo do Volt? Na verdade, é um dado mais de marketing que propriamente um desempenho espetacular.

A GM se valeu de um estudo do governo norte-americano que diz que os motoristas do país raramente rodam mais que que 64 km por dia. Seguindo esse raciocínio, a montadora chegou à conclusão que os donos do Volt não precisarão acionar o pequeno motor flex do veículo para recarregar suas baterias em movimento - apenas a carga original, com autonomia de justos 64 km será usada.

Em outras palavras, um rendimento de 230 milhas por galão de combustível usado. O que não se comentou no evento é quanto fazem o Prius, da Toyota, e o Insight, da Honda, sob os mesmos critérios.

Conheça os carros mais vendidos do Brasil nos últimos 10 anos

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/