Abeiva também quer ter cotas para importação de carros

Proposta encaminhada aos dirigentes em Brasília é semelhante ao que o Brasil fechou com o México. Governo ainda não se pronunciou

Por conta do IPI, Land Rover também paralisou planos de fábrica no Brasil | Imagem: Divulgação

Durante a apresentação dos resultados das vendas de fevereiro de carros importados das marcas filiadas à Abeiva, o novo presidente eleito da associação, Flavio Padovan, disse que foi encaminhada uma carta ao governo propondo estipular cotas de importação para carros vindos de fora do eixo México-Mercosul, porém até o momento os dirigentes de Brasília (DF) ainda não se posicionaram quanto a essa proposta.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!