Apesar da crise, Tesla bate recorde de emplacamentos

Fabricante de veículos elétricos tem melhor trimestre de sua história e superou expectativas do mercado
Tesla Model Y 2020

Tesla Model Y 2020 | Imagem: Divulgação

A Tesla foi uma das últimas fabricantes nos EUA a anunciar a paralisação de suas linhas de montagem por lá em função da Covid-19. A produção foi suspensa no último dia 24 de março apenas. Por conta do maior período em atividade, a marca de veículos elétricos demonstrou pouca queda em seus números de vendas no primeiro trimestre.

Nos três primeiros meses de 2020, a fábrica produziu 102.672 unidades e comercializou 88.400 unidades no período. As expectativa do mercado e dos acionistas da Tesla era de que a montadora emplacaria cerca de 77 mil unidades. O número de produção no entanto, não é o maior já registrado pela empresa. A Tesla fabricou mais de 105 mil veículos no último trimestre de 2019.

A Tesla foi a marca que mais comercializou veículos elétricos em 2019 globalmente, com 367.820 unidades emplacadas. No mês dezembro daquele ano foram vendidos 63.148 carros da marca ao redor do mundo. Do acumulado do ano passado, o modelo de entrada da marca, o Model 3, foi responsável por 300.075 unidades.

Agora em 2020, a marca apresentou recentemente o Model Y, que será o primeiro modelo da Testa a competir no concorrido segmento dos SUVs compactos globalmente. O utilitário esportivo elétrico compartilha a plataforma com o Model 3, mas sua autonomia, dependendo da versão e da configuração de baterias, aproxima-se do 500 km.

Tesla Model Y 2020
Tesla Model Y 2020
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!
Tags