Chrysler 300C ganha série especial de despedida nos EUA

Sedã foi comercializado no Brasil em duas gerações entre os anos de 2005 e 2015
Chrysler 300C 2023

Chrysler 300C 2023 | Imagem: Divulgação

Modelo que fez fama no Brasil ao mesclar design imponente e conjuntos mecânicos de alto desempenho, o Chrysler 300C vai se aposentar definitivamente. 

Por aqui, o modelo começou a ser importado em 2005 trazendo como destaque o motor 5.7 V8. Em 2008, o 300C passou a oferecer motorização 3.5 V6, seguindo em linha por aqui até 2015, quando já encontrava-se em sua segunda geração. 

A linha 2023 do 300C, que marcará a despedida do modelo, terá 2.000 unidades nos EUA e contará com alguns atributos bem interessantes. 

Talvez o mais relevante deles fique por conta da presença do motor 6.4 V8 Hemi sob o capô do sedã. Oferecendo 491 cv (485 hp) e 65 kgfm de torque, o 300C 2023 será capaz de acelerar de 0 a 60 mph (96 km/h) em apenas 4,3 segundos. 

Chrysler 300C 2023
Chrysler 300C 2023
Imagem: Divulgação

Para favorecer o desempenho, o câmbio automático de 8 marchas TorqueFlite foi otimizado para efetuar as trocas de marchas em apenas 160 milissegundos. 

Com preço sugerido de US$ 55 mil, o Chrysler 300C 2023 terá o visual realçado com a presença de rodas de liga leve de 20”, revestimento interno de couro com o logo especial para o modelo, detalhes cromados em pontos específicos da dianteira, entre outros itens. 

Chrysler 300C 2023
Chrysler 300C 2023
Imagem: Divulgação

O 300C 2023 contará ainda com freios Brembo, diferencial com deslizamento limitado e suspensão com amortecimento ativo.

Reforçam a lista de itens de série o sistema de som especial com 19 alto-falantes projetado pela Harman Kardon e assistentes de condução como o alerta de colisão com frenagem autônoma de emergência e o aviso de saída da faixa de rodagem. 

Chrysler 300C 2023
Chrysler 300C 2023
Imagem: Divulgação

Recomendados por AUTOO

Youtube
Volvo XC40, um SUV elétrico com preço mais acessível

Volvo XC40, um SUV elétrico com preço mais acessível

Modelo custa menos que similares alemães e não decepciona. Confira avaliação
Aviação
O "Boeing 737 europeu" que não decolou

O "Boeing 737 europeu" que não decolou

Jato comercial da Dassault era melhor em muitos aspectos ao 737 mas só teve 11 unidades produzidas. Entenda
AUTOO
Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Acompanhe as notícias sobre automóveis do site de forma mais rápida e prática!