De R$ 65.990 a R$ 94.990: analisamos quais são as versões mais interessantes do novo Peugeot 208 no Brasil

Modelo ainda não decolou em vendas, mas destaca-se pelo design caprichado e o cuidado com o acabamento interno
Peugeot 208 2021

Peugeot 208 2021 | Imagem: Divulgação

Um dos lançamentos mais importantes de 2020 e que marca uma guinada para a Peugeot no Brasil, a segunda geração do 208 busca inspiração no sucesso que o 206 obteve em nosso mercado no fim da década de 1990 para posicionar a Peugeot de uma forma mais assertiva no segmento.

Para isso, o novo 208 aposta em qualidades onde os carros franceses destacam-se dos demais, entre elas o design sofisticado e um cuidado especial nas formas e na seleção de materiais para o acabamento interno. Importada da Argentina, a segunda geração do hatch foi lançada apenas com opções automáticas e recentemente as variantes de entrada com câmbio manual somaram-se a gama. 

Em comum, todas contam com o motor 1.6 16V flex entregando até 118 cv com etanol. Para um carro tão moderno e de formas cativantes como é o caso do novo 208, era esperado que a Peugeot apostasse em propulsores térmicos mais eficientes e alinhados com as premissas do downsizing, ou seja, adotando recursos como a sobrealimentação e o uso de injeção direta para potencializar a eficiência em motores de menor deslocamento. É o que já fazem hoje o Volkswagen Polo com seu interessante 1.0 TSI nas versões mais caras, assim como o Chevrolet Onix trazendo motor 1.0 turbo, ainda que com injeção indireta convencional, nos catálogos superiores. 

De qualquer forma, a Peugeot deverá iniciar no Brasil, a partir de 2021, as vendas do novo 208 em sua variante 100% elétrica importada da Europa. Aqui sim temos uma excelente pedida em termos de modernidade de propulsão. Preço e mais detalhes sobre a configuração eletrificada serão apresentados em uma data próxima ao lançamento.

Se você gostou do estilo e de tudo o que o novo Peugeot 208 é capaz de entregar, confira abaixo nossa análise das versões hoje à venda:

Peugeot 208 Like 1.6 manual (R$ 65.990) - preço convidativo, mas só para clientes corporativos 

A Peugeot deixou claro na apresentação do 208 Like manual que o catálogo será voltado para empresas e frotistas, público que geralmente decide a compra de determinado veículo apenas de olho nos números. Apesar do preço mais acessível, o 208 Like deixa de lado recursos muito interessantes como a central multimídia, algo que não combina com um modelo de proposta “premium” como é o caso do 208. Certamente, no futuro, será uma versão com baixa liquidez.

Peugeot 208 Like Pack 1.6 manual (R$ 69.990) - melhor escolha com câmbio manual 

Muito mais equilibrado em termos de itens de série, o 208 Like Pack é a melhor escolha para quem não faz questão do câmbio automático ou está em busca de um preço menor para o modelo. A partir desta configuração, o 208 sai de fábrica com central multimídia e 6 alto-falantes, além de regulador e limitador de velocidade, computador de bordo entre outros recursos como os controles de tração e estabilidade e os 4 airbags comuns em toda gama. No mercado, entretanto, você encontra opções bem mais em conta e completas. Um bom exemplo é o Hyundai HB20, que tem preço sugerido de R$ 64.990 em seu catálogo Vision Pack com motor 1.6 e câmbio automático. Ele traz praticamente o mesmo nível de equipamentos do 208 Like Pack e ainda acrescenta rodas de liga leve aro 15”, acendimento automático dos faróis, sensor de estacionamento, câmera de ré, entre outros, além do prazo de garantia de 5 anos. 

Peugeot 208 Active 1.6 automático (R$ 74.990 no lançamento) - opção recomendada! 

A variante mais acessível do novo 208 com câmbio automático também é a opção que recomendamos você dedicar especial atenção. Além da própria transmissão, que tende a ser a mais procurada para o modelo, o 208 Active 1.6 automático ainda traz os recursos mais desejados por grande parte dos consumidores. Estão presentes a central multimídia, rodas de liga leve, luz de condução diurna por LED, além de todos os itens já elencados para o 208 Like Pack manual. Interessante você ponderar como uma alternativa o Chevrolet Onix. Por R$ 75.540 você encontra o hatch nacional em sua versão LTZ com motor 1.0 turbo e câmbio automático. Bem mais equipado, trazendo até carregador por indução, o Chevrolet ainda tem um conjunto mecânico mais eficiente e recebe 6 airbags de série em todas as versões. 

Peugeot 208 Active Pack 1.6 automático (R$ 82.490 no lançamento) - opção pouco recomendada

A configuração Active Pack acrescenta ao novo 208 automático o teto panorâmico, ar-condicionado automático digital e câmera de ré. Justifica o preço adicional se você considera interessantes os itens que o hatch passa a receber.  

Peugeot 208 Allure 1.6 automático (R$ 89.490 no lançamento) - vale a pena se você deseja um nível superior de acabamento e segurança 

O mesmo que apontamos para o 208 Active Pack também pode ser aplicado aqui. Porém, a versão Allure traz todos os itens já citados para os catálogos anteriores somando alguns diferenciais relevantes como 6 airbags, carregador de smartphones por indução e chave presencial. As rodas de liga leve passam a ser em aro 16” e os bancos recebem uma caprichada forração em Alcantara. O novo 208 Allure acrescenta ainda o interessante painel de instrumentos digital com infografia em 3D. Com isso, o catálogo avaliado aqui é o mais interessante se você quer um acabamento sofisticado sem extrapolar os R$ 90 mil. 

Peugeot 208 Grife 1.6 automático (R$ 94.990 no lançamento) - o melhor em tecnologia, mas atende um nicho específico de mercado e cobra um preço alto 

Começou com as segundas gerações de Chevrolet Onix e Hyundai HB20 e agora teremos cada vez mais hatches chegando ao mercado com um robusto pacote de tecnologia em seus catálogos topo de linha. Em sua versão mais cara, o Peugeot 208 oferece o alerta de colisão com frenagem autônoma de emergência inclusive para pedestres, detector de fadiga, reconhecimento de placas de velocidade, farol alto automático e o alerta de saída da faixa de rodagem com correção ativa, complemento que nem todos os carros com esse recurso oferecem e que faz bastante diferença.

O pacote de itens de série do 208 Griffe acrescenta faróis full-LED com acendimento automático, câmera de ré com visão 180º, sensores de chuva e estacionamento, entre outros itens. É um pacote muito completo e que combina bem com a sofisticação no design entregue pelo novo 208, porém tudo isso se reflete no preço elevado. 

Apenas para colocarmos em perspectiva, um Hyundai HB20 Diamond Plus pode não oferecer todos esses recursos, mas custa R$ 77.990. Estamos falando de uma enorme diferença de R$ 17 mil para o 208 Griffe e o Hyundai traz o sistema de alerta de colisão com frenagem autônoma assim como o aviso de mudança involuntária de faixa, porém deve a correção ativa. Conta a favor do HB20 Diamond Plus o eficiente motor 1.0 turbo com injeção direta, que oferece acelerações e retomadas bem mais instigantes em relação ao que observamos no 208 automático. De qualquer forma, se o orçamento é mais elástico e você deseja um hatch compacto com nível de acabamento ímpar na categoria e completo, tem no 208 Griffe uma escolha bastante adequada. 

Peugeot 208 2021

Peugeot 208 2021

Assine a newsletter semanal do AUTOO!