Designer imagina como seria novo Fusca

Artista ignora New Beetle e vê releitura do besouro mais próxima do nacional

Projeção novo Fusca | Imagem: Irmão do Decio

Se dependesse de Du Oliveira, o New Beetle seria totalmente diferente. Seria menos simétrico e teria linhas mais retas, lembrando muito mais o modelo comercializado por aqui por mais de 40 anos. “Tentei ser fiel ao modelo clássico e com toques da versão brasileira, diferente do New Bettle, que tem motor dianteiro e pertence a um segmento superior”, explica ele em seu blog, que reúne outras visões de carros já tantas vezes reestilizados – ou descontinuados.

O nome, claro, não seria New Beetle, mas sim Fusca. O motor também mudaria de posição, voltando para a traseira e, quem sabe, elétrico. Com menos de 4 metros de comprimento, teria tampa traseira como a de um hatch, enquanto a versão de quatro portas abandonaria a coluna central em favor de portas suicidas. Internamente, Oliveira expõe um painel como o do Fusca, mas com os elementos atuais da linha VW.

O designer também pensou no preço. Por se tratar de um carro de entrada, custaria entre R$ 24.000 e R$ 32.000. Haveria espaço até para versões especiais, como GTi e Cross.

Oliveira vem se especializando em repensar o desenho de muitos clássicos da indústria nacional, principalmente. Para conferir como seriam Chevrolet Caravan, Fiat 147, VW Brasília dos anos 2000, ou até mesmo uma perua Civic, acesse http://irmaododecio.blogspot.com.

Tudo sobre o Volkswagen Fusca

Volkswagen Fusca

Recomendados por AUTOO

Youtube
Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Modelo ganhou novo visual e alguns equipamentos interessantes. Assista
Aviação
Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Embraer KC-390 da FAB pode ser convertido para avião bombeiro. Veja como funciona
MOTOO
Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Uma das maiores montadoras do mundo, a gigante indiana construiu fábrica própria em Manaus para produção de motocicletas