Distante da Strada, VW Saveiro busca saída para se manter viva na categoria

Representante da Fiat deixa as concorrentes diretas bem para trás na procura do público
Sugestão de Kleber Silva para o facelift da Volkswagen Saveiro

Sugestão de Kleber Silva para o facelift da Volkswagen Saveiro | Imagem: Kleber Silva

Considerando toda a situação atípica que estamos vivendo nos últimos meses por conta da pandemia da Covid-19, é fato que a nova geração da Fiat Strada não deixa de surpreender. Se o modelo anterior já era um sucesso de vendas, com o profundo pacote de melhorias que a Fiat trouxe para a picape era natural esperar um certo avanço nos emplacamentos. Contudo, talvez até aqueles mais otimistas poderiam prever que a nova Strada iria não só vender ainda mais como alcançar o posto de segundo veículo mais comercializado no Brasil.

Entre as picapes compactas, hoje em dia podemos dizer que a Chevrolet Montana resiste no segmento apenas cumprindo tabela aguardando a próxima geração. Em janeiro e fevereiro, a representante da Chevrolet na categoria somou apenas 412 unidades comercializadas no país. Logo a frente da Montana, a Volkswagen Saveiro foi a escolha de 5.020 consumidores ao longo do primeiro bimestre do ano, mesmo assim muito distante dos 18.603 emplacamentos da Strada.

Modelo que ainda preserva um nome forte no mercado e uma longa trajetória no país, ao que tudo indica a Volkswagen não vai desistir da Saveiro tão cedo e prepara formas para manter a picape viva no segmento e uma alternativa para quem até hoje só tem olhos para a Strada.

Segundo reportou o site Autos Segredos na semana passada, a picape compacta da Volkswagen deverá ganhar um facelift como uma forma de reanimar a procura pelo modelo. De acordo com a apuração do site, a atualização estética não será nada profunda, contemplando pontos que não onerem muito os custos da fabricante.

Com isso, são esperadas apenas as mudanças tradicionais de um facelift, contemplando itens como grade dianteira, lanternas, para-choques e, quem sabe, até o conjunto óptico. Com base nessas informações, o designer Kleber Silva preparou uma aposta do que pode resultar o facelift para a picape.

Por conta de sua ampla rede de concessionárias, com boa penetração no território nacional, é interessante para a Volkswagen manter em seu portfólio um veículo comercial acessível como é o caso da Saveiro.

Atualmente já comercializada na linha 2022, a Saveiro parte de R$ 62.690 em sua configuração Robust cabine simples. Ela oferece motor 1.6 8V (104 cv) e câmbio manual de 5 marchas. O mesmo conjunto mecânico é oferecido ainda nos catálogos Robust cabine dupla (R$ 77.990) e Trendline cabine simples (R$ 75.390). A opção mais sofisticada é a Cross, oferecida somente com cabine dupla. Ela também é a única a disponibilizar o motor 1.6 16V (120 cv) associado ao câmbio manual de 6 marchas. O preço da Saveiro Cross atualmente é de R$ 99.390.

É provável que a leve atualização visual para a Saveiro fique para o ano que vem, provavelmente inaugurando a linha 2023 da picape.

Sugestão de Kleber Silva para o facelift da Volkswagen Saveiro
Sugestão de Kleber Silva para o facelift da Volkswagen Saveiro
Imagem: Kleber Silva