Não só aos EUA que a Fiat chegou recentemente. A montadora italiana acaba de inaugurar sua primeira concessionária no Moçambique, mais especificamente na capital Maputo. Para celebrar o que está sendo considerado um evento, o artista africano Malagantana Valente Ngwenya pintou um 500 com motivos tribais, batizado de Italian Woman. 

Malagantana é conhecido mundialmente por expor a cultura moçambicana, e suas obras flertam com temas como colonização, guerra civil e romances. Logo após terminar a decoração no 500, o artista morreu. O carro pintado por ele será leiloado, e os recursos serão doados para a Malangatana Foundation.

Conheça os carros mais vendidos do Brasil nos últimos 10 anos

Rodrigo Mora

|