Fiat garante que Idea, Bravo e Linea seguem em produção

Com vendas em baixa, modelos teriam saído de linha em junho, segundo site
Idea, Bravo e Linea: com vendas em baixa, modelos podem sair de cena, embora Fiat negue

Idea, Bravo e Linea: com vendas em baixa, modelos podem sair de cena, embora Fiat negue | Imagem: Divulgação

Em baixa nas vendas em 2016, os modelos Idea, Bravo e Linea emplacaram apenas 300 unidades em junho. Além da idade, pesa contra eles não só o mercado em geral em queda, mas também fatores como categoria que perdeu espaço na preferência do consumidor (minivans e hatches) e concorrência mais jovem (sedãs).

Por isso, a notícia que a Fiat teria encerrado sua produção em junho, publicada pelo confiável site Autos Segredos, parece natural. Mas a montadora nega: “A Fiat reestruturou o fluxo produtivo da fábrica de Betim, otimizando a organização dos modelos em três linhas de montagem. Essa estratégia não resultará no fim de produção de nenhum modelo”, garante a empresa ao ser questionada pelo AUTOO.

De acordo com a Fiat, a linha 4, responsável por produzir os três modelos, foi desativada, mas que antes disso Idea, Bravo e Linea tiveram sua produção acelerada “para aumentar o estoque, garantindo o fornecimento normal ao mercado até a organização das linhas de produção”, complementa o comunicado.

Projeto X6H

A mudança no layout de produção de Betim faz todo o sentido. A maior parte das fabricantes tem investido em plataformas globais e em modelos que compartilhem o máximo de componentes a fim de otimizar a produção e baixar custos. O atual portfólio da Fiat é bem vasto a ponto de exigir quatro linhas de montagem diferentes, algo que não segue esses novos preceitos da indústria.

Como especula-se que a Fiat está investindo no projeto X6H, que deve dar origem a um modelo “super compacto” capaz de atrair clientes que procuram um veículo moderno e com estilo diferenciado, imagina-se que o rearranjo da fábrica possa ter a ver com esse motivo.

No entanto, um trecho do comunicado deixa no ar a sensação de que, de fato, os três carros estão mesmo dando adeus, conforme o Autos Segredos apurou com pessoas de dentro da fábrica: “A produção desses modelos retornará, de acordo com a demanda de mercado”, finaliza o texto da Fiat. Ou seja, se depender da ‘demanda do mercado’, Bravo, Linea e Idea não deverão voltar tão cedo.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!