Ford Fiesta Rocam sai de linha para ceder espaço ao novo Ka

Com estreia do novo compacto em setembro nas lojas, Fiesta antigo será descontinuado tanto na versão hatch como na sedã

Ford Fiesta Rocam | Imagem: Divulgação

Contrariando as expectativas de muitos, o Fiesta Rocam não ficará mais barato para se posicionar como modelo de entrada da linha da Ford no mercado nacional. Este título caberá à recém-lançada nova geração do Ka. O modelo mais antigo, nas carrocerias hatch e sedã, será descontinuado em breve para dar lugar ao novo compacto que chega à rede de concessionárias em setembro.

Atualmente, o Ford Fiesta Rocam é vendido por R$ 31.740 no modelo hatch SE Plus com motor 1.0, que já vem bem equipado, com airbags frontais, freios ABS, direção hidráulica, ar-condicionado, vidros elétricos dianteiros, trava elétrica, alarme perimétrico, abertura elétrica do porta-malas, faróis de neblina, preparação para som, 4 alto-falantes e computador de bordo. Por R$ 35.990 há a versão com propulsor 1.6.

O sedã com bloco 1.0 é ofertado por R$ 34.340 e traz a mesma lista de equipamentos do dois-volumes. Já o 1.6 tem valor sugerido de R$ 38.790. Por R$ 40.590, o modelo ganha rádio My Connection com CD/MP3, Bluetooth, conexões USB e Bluetooth, vidros elétricos traseiros, abertura/fechamento global, rodas de liga-leve de 14 polegadas, 2 tweeters e retrovisores elétricos.

O novo Ford Ka é pouca coisa mais caro, e, mesmo assim, compensa o preço pelo projeto (bem) mais moderno. O modelo de entrada SE com motor 1.0 custa R$ 35.390 e vem equipado com airbags duplos, freios ABS com EBD, direção elétrica, ar-condicionado, vidros dianteiros elétricos, travas elétricas, porta-malas com abertura elétrica e rádio com USB e Bluetooth. O sedã, o Ka+, tem valor inicial de R$ 37.380.

Na versão topo de linha, a SEL, há diversos equipamentos interessantes, como controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, vidros elétricos traseiros, rodas de liga-leve, sistema SYNC, entre vários outros. O motor pode ser o 1.0 de três cilindros, que produz 85 cv ou o 1.5 de 110 cv, este último o mesmo do New Fiesta de entrada.

Atualmente, com vendas somadas às do New Fiesta, o Fiesta Rocam é o quarto automóvel mais emplacado no País, considerando as vendas dos primeiros meses do ano. Para o Ka, a meta da Ford é comercializar 10 mil exemplares por mês.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!