GM investirá US$ 1,5 bi em picapes e pode dar origem a nova S10

General Motors anuncia aporte em planta dos EUA. Empresa pode unificar plataformas das ''primas'' da S10
Chevrolet S10 2020

Chevrolet S10 2020 | Imagem: Divulgação

A General Motors anunciou um investimento de US$ 1,5 bilhão (cerca de R$ 6 bilhões) para o desenvolvimento da próxima geração de picapes médias na fábrica de Wentzville, Missouri (EUA), onde é feita hoje a dupla Chevrolet Colorado e GMC Canyon. E o que isso diz respeito ao Brasil?

Desde junho, há rumores de que a GM teria interesse em unificar o desenvolvimento de picapes médias globalmente, podendo incluir, além de Colorado Canyon, a nossa S10 e uma versão para o mercado asiático da Colorado, que são desenvolvidas em paralelo com os produtos vendidos nos EUA, o que resulta em custos maiores atualmente.

A jogada é particularmente interessante para a General Motors, pois, nos EUA, o mercado de picapes médias vem crescendo e ganhando cada vez mais competidores, como a Ford Ranger, que foi reintroduzida naquele mercado após um hiato de alguns anos. Além dela, a Honda vem tendo sucesso com a Ridgeline, uma picape de porte similar ao da nossa Fiat Toro e também usando carroceria monobloco ao invés de chassi com longarinas.

Hoje, apesar de compartilharem a plataforma, Colorado, Canyon, S10 e o modelo asiático possuem diversas diferenças nos campos estéticos. Além de diversas versões exclusivas para um ou outro mercado e motorizações que não são compartilhadas entre elas. Para o Brasil, caso esse compartilhamento se confirme, abre as portas para termos um produto alinhado com os mais exigentes mercados do mundo. 

Chevrolet S10 2020
Chevrolet S10 2020
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!