Desde 1º de janeiro de 2014, todos os carros fabricados e vendidos no Brasil precisam ter bolsas infláveis frontais. Os airbags servem justamente para evitar o impacto do corpo dos ocupantes com as partes rígidas do carro no momento de uma colisão, mas claro que a segurança só está completa com o cinto de segurança.

É fácil perceber quando o veículo tem airbags frontais, mas você sabe identificar as bolsas laterais, de cortina e de joelho? Vamos dar dicas de onde você pode encontrar essas inscrições. Mais conhecidas, as inscrições dos airbags frontais se encontram no volante e no painel do lado do passageiro, onde se lê "AIRBAG."

Já para as bolsas infláveis laterais é comum encontrar inscrição em etiquetas nas laterais dos bancos dianteiros, normalmente para o lado das portas. Também é possível encontrar na parte interna das portas, mas essa configuração é rara. Esse airbag evita que o corpo se choque com as partes rígidas das portas e é extremamente útil em acidentes na qual a lateral é atingida.

Os airbags de cortina (instalados nas laterais do teto) servem para proteger a cabeça de impactos contra os vidros e o teto e eles podem estar instalados nos revestimentos internos das colunas A, B ou C. Já o de joelho fica localizado na parte inferior do painel, próximo ao motorista, abaixo da coluna de direção.

Fique sempre de olho na luz indicadora de AIRBAG no painel de instrumentos. Ao ligar o carro essa luz deve se acender e apagar instantes depois. Caso ela permaneça acesa durante a condução do automóvel, leve o carro para uma oficina especializada o mais breve possível pois pode haver algum problema no sistema, impedindo o seu correto funcionamento.

Em alguns veículos, ao invés de estar escrito "AIRBAG", pode haver a sigla "SRS" (Supplemental Restraint System), que quer dizer Sistema de Retenção Suplementar", indicando que os airbags são um complemento ao sistema de segurança do carro e que é necessário (e obrigatório por lei) utilizar o cinto de segurança.

Vinicius Montoia

Formado pela PUC-SP em jornalismo, Vinicius já atua no setor automobilístico desde 2013. É criador do canal Narração Esportiva do Youtube, projeto que conta a história dos maiores narradores esportivos do país

Vinicius Montoia | https://www.youtube.com/channel/UC2lKRtZdmSdMRJZ8Pim78Fw